Libertação XVIII - Fim de verão - ultimo dia de piscina

Um conto erótico de Simon
Categoria: Heterossexual
Data: 13/02/2020 12:32:06
Nota 9.83

Depois de algum tempo deitados nús ao sol fomos para dentro de água novamente e desta vez nús. Provavelmente era a primeira vez que estavamos assim completamente nús sem ser durante sexo.

A minha esposa e a Sofia são morenas e como é fim de verão tinham as marcas dos biquinis bem deliniadas. A Ana com aquele peito farto e os mamilos e um triangulo pelo meio do peito branquinho realçava ainda mais o tamnho generoso do peito dela. a sofia em contrapartida com o peito pquenino e arrebitado estava todo ele branquinho o que era um tesão.

Eu e o vitor mergulhamso directo na piscina e ficamos a ver elas a descer a escada. Estavamos um de cada lado da escada a olhar para cima e primeiro desce a sofia, de frente para nós, aquela noca depiladinha, a cada degrau a abrir aqueles labios da coninha grossa que ela tem e os peitinhos a apontar o ceu. O vitor dá a mão para a ajudar a descer e ela ao entrar na água começa nada a afastar-se de nós com aquele rabinho redondo e marcadinho com um pequeno triangulo branco a sair do rego.

De seguida vem a Ana, desce a escada de costas para nós, aquele rabo empinado e arrebitado, a cona depilada com um papo generoso a cada degrau parece que chama "entra aqui e come".

Ao descer os degraus e entrar na água o vitor pega nela pela cintura, roda para ela ficar de frente para a piscina e deixa a minha esposa descer a deslizar as maos da citura até aos braços enconxando a Ana que fica de bicos de pé na água para evitar o pau dele de entrar. Depois afasta-se a nadar para junto da Sofia.

Ficamos por um bocado a refrescar e a nadar nao deixando de olhar para os rabos daquelas duuas deusas fora de agua ou quando mergulhavam.

- Simon, consegues daí de onde estás nadar debaixo de água até mim e passar pelas minhas pernas? - diz a Sofia para mim

- Sim claro! - respondo nao perdendo tempo, mergulho e nado de encontro á sofia que está em pé de pernas bem abertas. Ao passar por ela debaixo de água subo ligeiramente do fundo para passar o mais perto possivel da cona dela e ao passar a cm da cona apanho o rabo com as maoes para me ajudar a sair de água e rodo para ficar nas costas dela mas de frente para ela. Levanto-me e ela roda para mim pois sai nas costas dela e ela agarra-me pelo rabo e enconsta-se a mim:

- boa Simon, aguentastes bastante debaixo de água.

- sim a visão era linda lá de baixo

- estou a ver que sim, ou melhor, estou a sentir que sim - diz ela ao sentir o meu pau duro na barriga dela.

- E tu consegues nadar debaixo de água, quanto tempo. - desafio a nossa amiga

- Não faço ideia, nao devo conseguir muito. Não consigo estar debaixo de agua, começo a subir. - responde a sofia

- Vai lá abaixo e usa as minhas pernas para te segurares - digo

Ela respira fundo e atira-se para o fundo não conseguindo ir muito e agarrando-se com uma mão em cada um dos meus joelhos. Passado uns 5 segundo s veio para cima tocando com a cabeça no meu pau duro.

- Não consegui tempo nenhum, vou tentar novamente - diz a Sofia

dito isto respira fuindo e baixa'se novamente, mas desta vez ainda foi menos fundo e agarrada ás minhas coxas abocanha o meu pau sem eu esperar. Está por breves segundos com o meu pau na boca e sai novamente da água. Olha para mim e dá uma gargalhada e apanha o meu pau com a mão e começa a acariciar.

NEsta brincaeira com a sofia tinha esquecido completamente da minha esposa e do vitor, olho para trás de mim e vejo a minha esposa a boiar de barriga para cima, peitos fora da água e a coninha também meia imersa meia de fora e o vitor ao lado dela a segurar a minha esposa. Estava novamente a ensinar a minha esposa a boiar como tinha feito anteriormente no campismo (primeira vez que a minha esposa foi tocada por outro homem) mas desta vez estava a minha esposa nua ali a cemtimetros dele.

A Sofia conduz-me segurando o meu pau, enconsta-me de costas na beira da piscina, coloca-se na minha frente, encaixa o meu pau no rego dela pega nas minhas mãos e coloca-as a abraça-la. ficamos ali tippo namorados, eu a abraça-la e ela a acariciar o meu pau a olhar para a minha esposa e o marido dela.

- Esse rabo para cima Ana - Dizia o vitor para a minha esposa dando palmadas no rabo dela. Ela esforçava-se para levantar o rabo expondo a cona fora de água e o vitor ajudava com as mãos no rabo dela.

- Ombros para trás, peito esticado para cima - Pede o Vitor com uma mão levantando as costas enquanto a outra mao fica no rabo.

- Quero estes peitos fora de água - diz ele tocando nos peitos dela e puxando os mamilos da minha esposa para cima que ficam bem arrebitados e ponteagudos.

Eles mantemem-se nisto por um bom bocado, com o vitor a mexer no corpo da minha esposa com o pretexto de ela boiar, as maos no rabo, nos peitos dela e apesar de nao ver por estar debaixo de água ele devia estar a meter os dedos na cona dela pois por vezes ela abria ligeiramente as pernas, mordia os lábios e sorria para ele.

A sofia estava com tesão tal como eu a ver aquela cena e acariciava o meu pau e eu acariciava os peitos dela. ela nas caricias do meu pau encaminhava-o para o rego do cu dela e ele tocava os labios da cona.

Mantive uma mão nos peitos e a outra desci para a cona dela, apertei o corpo dela contra o meu e a cabeça do meu pau veio até a frente no meio das pernas dela e eu acariciava o meu pau e a cona dela. comecei a meter os dedos nela e ela comecou a gemer baixinho.

virou-se para mim e começa-me a beijar. Encaixa o meu au no meio das pernas e consta os peitos nus no meu peito. Eu agarro o rabo dela e forço-a contra o meu corpo. Beijamo-nos por um bom bocado e vou olhando para a minha esposa e o vitor.

Eles ainda estão no meio da piscina com a Ana deitada nos braços do vitor que a vai acariciando e começa a beijar os peitos dela e a morder os mamilos. Ela corresponde puxando a cabeça dele para a dela e beija-o. Ele deixa-a cair para ela ficar de pé e encostam-se na beira da piscina a beijarem-se.

Estamos os dois casais, eu e a Sofia, minha esposa e vitor, em lados opostos da piscina. Eu e o vitor enconstados na parede da piscina e as duas enconstadas em nós de costas, de frente uma para a outra.

Eu olho para a Ana e falo apenas com os labios "amo-te" e ela retribui com um "amo-te muito".

eu estou com o meu pau no meio das pernas da Sofia e acaricio a cona deda, meto os meus dedos dentro dela com uma mã e aperto os seis com a outra. Vitor parece imitar os meus movimentos, tem uma mão na cona da minha esposa e uma mão a acariciar os epitos fartos da Ana. Que tesão é ver a minha esposa a fechar os olhos, estar a saborear ser acariciada por outro homem que nao eu,. ver as mãos de outro homem percorrer o seu corpo, misto de tesão, ciumes.

O meu pau está a latejar e bem duro, Sofia pega no meu pau e aponta para a entrada da coninha dela e eu meto lentamente, pego sofia pelas cochas e ela fica sentada comigo a suportar o peso dela que por estarmos na água se torna fácil e começo um vai e vem nela, o meu pau entra e sai da cona dela.

O vitor e a minha esposa mudam de posição e ela apoia-se na piscina empinando o rabo para trás e o vitor começa a enfiar o pau nela.

Fodemos os 4 por um bom bocado e eu digo á Sofia para irmos para o lado deles. Vamos para junto da Ana e do Vitor no outro lado da piscina e a sofia coloca-se na mesma posição da Ana, apoiada com as mãos na piscina e rabo empinado para trás para eu a poder foder.

Eu e o vitor metemos nas duas começamos a estucar forte.

- Que delicia de pau Simon! Tão bom sentir este pau grande e grosso a meter fundo. sortuda amiga com um pau destes á disposição! - fala a gemer e ofegante a Sofia

- Delicia não é? E ele está doido por te meter no cu, foder esse teu cu rijinho! - diz Ana - O vitor não fica atrás, que habilidade tem, a rebolar dentro da minha cona, toca os pontos todos para me deixar louca!

Eu e o vitor olhamos um para o outro e batemos a mão, um High five e um sorriso de aprovação entre nós.

Tivemos mais uma vez orgasmo, nós os dois primeiro e elas logo a seguir.

- Maravilha simon! Que delicia de pau. - Diz a Sofia levantando'se e me beijando.

- Que doideira é esta que vocªes me fazem? Isto é gostoso demais, sentir outro pau dentro de mim! Que delicia Vitor. - diz a minha esposa a beijar o vitor.

- voces as duas são umas deusas, gostosas demais, devemos estar no paraiso, só pode! - falo eu beijando de volta a Sofia e depois abraçando a minah esposa e beijando ela de lingua bem demorado enquanto acaricia as suas nadegas e coloco a mau na coninha dela e digo:

- Esta cona nunca levou tanto pau como nos ultimos tempos, está a ficar muito lambona!

- E que lambona, engole o meu pau como nao houvesse amanha hahahaa - espicaça o vitor.

Saimos da piscina e fomos nos deitar nus a secar e descansar.


Este conto recebeu 12 estrelas.
Incentive SimonCann a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
22/02/2020 07:43:21
Deixa de frescura corninho, continua e manda as fotos dessas putinhas, email
21/02/2020 19:07:26
muito deliciosa esta série de relatos
20/02/2020 21:54:51
Bons contos, sempre bem escritos e cheio de detalhes, gostei muito esperando a continuação
18/02/2020 16:27:15
Baita contos. Não pare. Vc é muito bom nisso.
17/02/2020 06:09:38
devido ao baixo ou nulo feedback vou deixar por aqui a minha contribuição. quase 2000 leituras e apenas um comentário e uma votação. Penso que os meus contos não têm o interesse desejado. Um bem aja.
13/02/2020 17:31:27
Adorei

Online porn video at mobile phone


conto erotico ensinando a tia de motocontos de incetos e orgias entre irmaos nudismo piscina em casapanuqueti gemendo e gosar no pau porno brasilContos coloquei um shortinho d menina e acabei estupradovideo porno denovinha enfrento pau grandemulhe vai n caca d vizinha a vizinha nao esta i marido come buceta i cu delaWww,sexo,com,negoes,bigdotados,em,quadrinhos,com,brcontos eróticos de meninos novinhos sendo dopados e estrupadoseu queria assistir DVD pornô com as panteras com as mulheres com nome Beatrizcastigo anal sadomasoquismo contosvideos desabafos cacetudos con vontade de gozar se mostra can cacete muinto durocontos/Arrombada no matagal por negoesfotos. de pirocasde cavalonegao com pistolao grande e bem grosso quase nao entra no buctao da coroaporno contos cunhado novinhovideos pornô de incesto madrasta de fio dental no quartomeu amigo me comeu e me fez a mulherzinha deleporno babentaxvideos garotão bombado infiando dedo no cuzinhocontos erotico minha mae insistiu eu fazer nudismocontos de negro roludo e novinhaDou o cu para o traficante contos gaycu manteigatopei minha prima dirmindo xxxvideoDo caralho-basquete-contohomem comendo buceta e sarindo gosma do tico videoRihanna novinha tentando dar o c* virgem para o padrasto mas não aguenta de dois choracontos gays-categoria incesto gays forçado- maduro vs menino ninfeto- meu padrasto pauloconto - ela tomou o primeiro golinho de porra da vidaLekes ficam cim vergonha ao se beija com amigo primos boqueteiros. Tomei o leitinho do meu primo gueizinho pornoporno meti na minha irma com forca e fiz ela pular e gemercontos erodicos com fotos descobri meu vo e viado e cornoirma fabiana de carinha de anjo coçando a xoxotaConfissão de uma obesa com tesãoContos da tulaconto erotico gay cunhadosconto erótico eu minha esposa na cachoeiraconto de estrupo em família rasgou meu cuquero assistir vídeos pornô com as panteras Irmãos Grimm fazendo sexo no XVídeos brasileirosContos eróticos sobre arregaçei o Priquito dela com minha toraxvidios casada en apurorubiaebeto quase mulher 7contos eroticos esposa querendo ser comida pelo coroa da pirocona tortavídeo de sexo cazeiro com novinha tranzando co padrasto. e ele fala pra rla fica quieta para mae não ouviremteada faz sexo com padastro quando a mae sai pras compras xviduospai tirano avijide da filhan********* tomando esculacho de pica brutamonte da tardechupando o grelo de uma loira mulher chupando beijo tchauconto erotico pau pequenonovinha esgassada casada xvidioninfomaníaca viciada em zoofiliabuceta depilada na cera floripauolcomo o penis penetra o anuscontos eróticos minha mãe greludaxvideoporno cresce q ainda nao alguentaContos eróticos flaguei o pastor arrombando minha linda noiva santinhaconto erotico perdi aposta e tive que deixar meu ermao gozar dentro da minha buseirma novia estava no quarto escolhendo uma roupa para vestir ela pedi uma opuniao por irmao porno doidovideos nacional gritos e gemidps de homens passivos embaixo dos machos caralhudoseguas taradinha no cio pigandoprica cavalaboyzinha n************ o c****** peidando e olhando para trásfilho da pica informo fudendo a buceta da mãe gostosacontos picantes de amor gaysConto erotico- mete seu pauzudo, come a sua mae putamorena puta yoda enfiada na rola grossa e grandecontos eroticos fui seduzido pela vizinhairma cassulinha dando mole xvideoconto mnha madrasta recatadamundobichanovinho na praia