25 de Janeiro de 2020

Voltei do serviço de novo e talvez vocês gostem de saber o que aconteceu esse ano mesmo rs rs rs.

Minha irmã Priscila nunca esqueceu a nossa primeira vez e sempre que ficávamos sozinhas, brincávamos juntas. Quando eu completei 18 anos, eu conheci o João Lucas, meu atual marido e minha irmã ficou com ciúmes, mas eu disse que ela era minha amante e ela ficou feliz.

Como eu disse, Priscila também tentou namorar alguns rapazes, ela não curtia muito eles e sempre vinha correndo pra mim, parecia que eu era a única pessoa que a satisfazia rs rs rs.

Vamos direto ao assunto, no dia 25 eu fui pro meu trabalho como de costume e a Pri me mandou uma mensagem perguntando se depois do trabalho, eu poderia ir na casa dela, e eu respondi que sim. Terminei meu expediente como de costume e fui com o meu carro ao apartamento da Priscila.

Quando eu cheguei lá, ela me abraçou e disse que estava tão feliz pois ela tinha acabado de conseguir um emprego e eu sorri e disse que era maravilhoso e ela sorriu e pediu pra eu me sentar enquanto ela pegava umas latinhas de cerveja pra gente, eu não curtia que ela bebia já que ela ficava muito atirada pra mim quando estava um pouco menos sã e isso já nos colocou em situações constrangedoras quando no natal do ano passado ela quase me beijou na frente de todos.

Ela trouxe uma caixa de latinhas e eu pedi pra ela não beber muito e ela sorriu e disse que ia maneirar e que era um brinde, então brindamos e começamos a conversar enquanto bebiamos algumas latas e Priscila disse que estava de saco cheio dos homens a acharem atraente e eu sorri e disse que a culpa era dela de ser tão linda e ela sorriu de volta e disse que eu era mais. Se passou algum tempo e Priscila estava começando a ter umas conversas quentes e eu percebi que ela estava começando a ficar alterada e tirei a lata da mão dela e ela ficou irritada e disse pra eu deixar pelo menos ela terminar essa, mas eu recusei pois não queria que ela ficasse mal depois. Eu sempre fui mais tolerante ao álcool e por isso era bem difícil eu ficar bêbada e Priscila disse pra mim que eu poderia largar o meu marido e vir morar com ela e eu disse pra ela que tinha espaço no meu coração pra ela e pro Lucas e ela me abraçou por trás e disse que estava com vontade de brincar comigo e eu sorri e pedi pra ela esperar ela voltar a si pra gente brincar (Não curto muito fazer amor com a Priscila bêbada, já que ela está meio sem noção).

Priscila disse que amava esse meu jeito protetor e cuidador e que apesar de estar um pouco alterada, ela ainda estava sóbria e ela me beijou e eu retribui o beijo e ela pediu pra irmos pro quarto dela e eu fui meio que com o álcool fervendo no meu sangue rs rs.

Tiramos nossas roupas e começamos a nos beijar de maneira mais quente e ela queria muito aquilo e eu disse que ela nunca saiu da minha mente e ela sorriu e ela perguntou se eu podia dormir com ela naquela noite e eu disse que o Lucas ia estranhar e ela só falou pro Lucas ir pra aquele lugar e eu fechei a cara e ela pediu desculpa, ela falou aquilo na emoção e eu disse que estava tudo bem.

Voltamos a nos beijar e o beijo dela continuava doce e ela continuava esfregando sua língua na minha rs rs, ela parece curtir isso e eu perguntei a ela sobre o armário dela que tinha uma porta vermelha e ela deu um sorriso inocente e disse que aquilo era pra ela brincar comigo de outras formas e eu estranhei aquilo e ao abrir o armário eu vi alguns brinquedos sexuais e eu fiquei surpresa e ela disse num tom infantil "SURPRESA".

Eu dei risada e ela me olhou confusa e eu sentei na cama e disse que ela era fofa ainda sendo pervertida e ela riu junto e me abraçou e eu acariciei a cabeça dela e ela começou a mamar meu seio esquerdo enquanto eu apenas olhava aquele rostinho dela, ela ainda se esforçava para ser fofa, mesmo tendo 18 anos rs rs.

Deitei em cima dela e comecei a chupar o pescoço dela enquanto ela me olhava sorrindo e eu comecei a beijar o corpo dela inteiro e ela perguntou se ia demorar muito pra eu ir pra xana dela e eu deu uma risada e disse que ela era uma apressadinha e ela me respondeu que estava com muito tesão.

Cheguei no meio das pernas dela e ela parecia ansiosa com aquilo e eu passei minha língua de baixo a cima e ela deu um gemido e e eu comecei a lamber e ela e ela ficava me olhando com aqueles olhos tão serenos e visivelmente excitados e eu enfiei a minha língua nela e ela se contorceu e disse pra mim ir mais rápido e dentro dela eu mexi minha língua e ela gozou me melando toda e eu sorri e ela deu uma risadinha e disse que a culpa era minha de saber fazer ela delirar com a minha língua.

Eu perguntei se ela ia querer me chupar e ela disse que depois, que ela queria aproveitar mais o meu corpo antes de chegar no prato principal e eu estranhei aquilo e disse ok, ela pediu pra eu me sentar na cama e fechar os olhos, eu fiz isso e comecei a sentir beijos pelo meu corpo e eu dei um sorriso e logo senti algo adentrando minha xana e quando eu abri meus olhos, não é que a menina estava com um vibrador verde na entrada da minha xana?

Ela ficou irritada e disse que eu tinha estragado a surpresa e eu perguntei se ela queria sentir como é ter algo dentro dela, ela ficou corada já que ela nunca tinha enfiado nada na xana dela, a não ser a minha língua e eu fiquei surpresa com isso já que ela teve uns 8 namorados e ela disse que teve, mas ela não conseguia entrar no clima pra fazer sexo com eles e eu sorri e perguntei se ela aceitaria se eu fizesse aquilo e ela acenou positivamente com a cabeça com um sorriso fofo.

Peguei aquele vibrador verde e ela disse pra eu ir com cuidado, e que ela estava um pouco assustada e eu disse que ia com carinho. Quando eu fui enfiar ela pediu pra parar e disse que estava com medo de doer e que queria deixar pra lá, eu perguntei a ela se ela confiava em mim e ela disse que sim e então e falei que nunca ia fazer nada de mal pra ela e eu a beijei e ela retribuiu o beijo e enquanto eu a beijava, eu comecei a introduzir o vibrador nela e ela deu um gemido de dor e eu enfiei com tudo e ela deu um grito alto e um pouco de sangue saiu da xana dela e eu arregalei os olhos e ela estava com o rosto tapado de medo e eu falei que ela era virgem e ela disse que não, que já tinha feito sexo comigo várias vezes, e eu falei que ela nunca tinha sido penetrada e ela disse que tinha medo e eu disse que eu tirei a virgindade dela e ela deu uma risada ainda com uma expressão de dor.

Tirei o vibrador dela e ela perguntou como foi que eu perdi a virgindade e eu falei que quando eu sai com o Lucas, ele me levou num lugar sem ninguém e me penetrou lá, doeu no começo mas depois ficou gostoso e ela perguntou irritada se era mais gostoso que ela e eu disse que não, mas era uma sensação diferente, eu nunca conseguiria essa sensação só com a Priscila e ela ficou pensativa e ela disse que queria aquela sensação mas que fosse eu que desse a ela e eu arregalei os olhos e dei um sorriso e dei um selinho nela e disse que tudo bem.

Enfiei um pouco do vibrador em mim e me aproximei da xana dela e ela parecia nervosa e eu apenas falei pra ela relaxar e enfiei o vibrador nela e ela fez uma expressão de dor e perguntou se aquilo ia passar, eu respondi que sim e eu tirei e enfiei de novo e ela estava ofegante e eu apenas pedi pra ela relaxar e aproveitar e eu tirei e enfiei mais duas vezes até que ela começou a fazer uma expressão de prazer e eu sorri e comecei a fazer mais forte e ela colocou a língua pra fora e eu também estava gostando pq eu também estava com o vibrador dentro de mim e eu sentia ele se mexendo lá.

Ela disse que sentia o vibrador cutucando o útero dela e eu fiz ainda mais forte fazendo ela salivar e eu queria muito ter filmado isso pra gente, parecíamos profissionais rs rs rs e logo nós duas gozamos e deixamos o vibrador ensopado de gozo e ela ficou bem ofegante e disse que adorou aquela experiência e eu disse que também, eu nunca fui a penetradora da relação e comecei a rir e a Priscila me olhou com sorriso sedutor e disse que era a vez dela e eu arregalei os olhos e ela pegou o vibrador e enfiou um pouco nela e eu estava nervosa pois eu nunca tinha sido penetrada com um brinquedo de borracha ou silicone, sei lá, foi sempre com órgãos reais e de carne.

Ela me perguntou se eu estava com medo e eu disse que não, mas que eu estava um pouco receosa de como seria essa sensação já que com um real era bem prazeroso e ela me deu um selinho e enfiou ele todo na minha xana e eu gemi alto e ela riu e eu sentia ele totalmente dentro de mim a ponto de só nossas xanas se tocarem, mal dava pra ver o vibrador e a Priscila começou a mexer ele dentro de mim o que me fez revirar os olhos e ao mesmo tempo nossas xanas rapavam e ela disse que aquilo era tão bom e ela mexia de um lado pro outro e eu mordi o travesseiro dela e ela salivava de tesão e quanto mais ela rebolava, mas o vibrador mexia dentro da gente.

Ela me beijou e rebolava sem parar e eu mal conseguia ficar concentrada em algo, era o beijo, era o vibrador mexendo dentro de mim, era a xana dela raspando na minha e eu tive um orgasmo enorme e melei as pernas dela e eu fiquei exausta com aquilo e ela disse pra deixar com ela, que ela ia cuidar de mim.

Eu mal conseguia raciocinar direito, só senti ela lambendo a minha xana completamente ensopada e eu acabei fechando os olhos e dormindo por estar exausta.

Acordei com ela vendo uns videos na internet sobre mulheres enfiando o vibrador no ânus e eu já assustei e ela me olhou com sorriso fofo e perguntou se eu achava aquilo excitante, eu respondi que não e que eu tinha um certo nojo de sexo anal e ela perguntou se ela poderia tentar comigo e eu disse pra ela que não, e que aquilo era muito estranho e ela me disse que eu fiz a mesma coisa com ela, ela achava estranho incesto lésbico e mesmo assim eu fiz ela gostar, e ela completou dizendo que talvez eu gostasse no final e eu me recusei e ela ficou irritada e disse pra eu parar de ser chata e que poderia ser legal pra nós duas.

Eu estava de 4 dizendo que não acreditava que aquilo estava acontecendo e Priscila estava atrás de mim e disse pra eu ficar calma e que ia ser bem legal e eu olhei pra ela e perguntei se era uma boa ideia e ela disse que era sim.

Ela encostou o vibrador no meu ânus e eu disse para ela parar e que eu não sabia se aquilo ia dar certo e eu disse que nunca fiz isso com Lucas e ela sorriu e disse que isso era bom, pois poderia fazer comigo e ela só pediu pra eu relaxar e eu suspirei de aflição e fechei os olhos com força e ela começou a enfiar ele e eu senti aquele vibrador entrando em mim e eu dei um grito e Priscila ficou irritada e disse que só entrou a ponta e e senti minhas pernas formigarem e eu sentia a Priscila empurrando ele cada vez mais dentro de mim e eu mordi o travesseiro e Priscila disse que havia entrado só a metade, eu gritei surpresa pois parecia que alguém estava me quebrando no meio com aquilo e eu sentia minhas pernas estremecerem e Priscila sorriu e continuou.

Eu sentia meu ânus arder e chegou uma hora que eu não consegui mais sentir minhas pernas e cai deitada na cama e Priscila deu uma risadinha e eu senti a minha bunda empurrar o vibrador ainda mais pra dentro e eu estava praticamente desfalecida e caída com os olhos revirados e eu não sentia mais minhas pernas e nem minha bunda e a Priscila ainda teve a cara de pau de vir me perguntar se eu tinha gostado, eu mal conseguia responder ela por causa de tudo o que eu estava sentindo e ela tirou o vibrador da minha bunda e deitou do meu lado e me perguntou se foi tão ruim assim e eu respondi que mal sentia minhas pernas, isso deixou a Priscila um pouco assustada mas eu disse que isso era normal na primeira vez e que apesar de eu nunca curtir essas coisas, eu sempre pesquisava

Priscila deitou em cima de mim e quando ela ia me beijar meu telefone tocou e eu sabia que era o Lucas pois eu não tinha avisado ele que ia na casa da Priscila e a Priscila atendeu e ela só disse que eu ia dormir com ela naquela noite e desligou na cara dele e eu fechei a cara e disse que ela não podia fazer isso pois ele poderia desconfiar de algo e Priscila me olhou com olhar de to nem ai e disse que não ligava, que se dependesse dela, ela o mandaria pra aquele lugar pra me ter todinha pra ela e eu fiquei furiosa e queria ir bater nela nessa hora, mas não consegui por causa das minhas pernas e Priscila subiu em cima de mim e me beijou e eu retribui o beijo apesar de ainda estar brava e ela me perguntou o que eu vi naquele bobão e eu disse que vi a oportunidade de formar uma família e que meu sonho sempre foi ser mãe e Priscila revirou os olhos e disse que eu era uma bobona as vezes, e eu sorri e Priscila deitou do meu lado e me abraçou e logo eu comecei a adormecer com ela também fechando os olhos.

No dia seguinte, eu acordei e fui tomar um banho pra ir no trabalho e Priscila entrou no banheiro nua pra tomar banho comigo e eu sorri e disse que tudo bem, mas eu não podia demorar muito por causa do meu trabalho e ela sorriu e nos beijamos e ela estava me masturbando e eu estava masturbando ela e acabamos deitando no chão do box com a água caindo na gente e ela começou a lamber a minha xana e apesar de eu estar um pouco tensa com o horário, eu estava curtindo aquele momento, fazia anos que não tomávamos banho juntas e eu subi nela e fizemos um 69 delicioso, ui rs rs.

Saímos do banho e eu me troquei e passei um batom que eu tinha na minha bolsa e minha irmã perguntou se ela poderia provar daquele batom, ela estava curiosa sobre o sabor e eu sorri e a beijei com gosto e ela deu um gemido de satisfação e quando separamos os nossos lábios, uma trilha de saliva se formou e ela disse que adorava morango e eu sorri e disse que ela tinha borrado meu batom e ela disse que queria muito que eu passasse lá de novo depois do meu trabalho e eu disse que não podia, pois seria suspeito demais e eu prendi o meu cabelo e coloquei meus óculos e eu disse que tinha que ir e ela sorriu e disse que eu estava linda e que ia ficar esperando a minha próxima visita, eu sorri e disse que da próxima vez, eu ia enfiar aquele vibrador na bunda dela e ela arregalou os olhos e ficou bem corada e disse que isso podia levar tempo e eu falei pra ela comprar lubrificante senão ia doer e sai rindo dali enquanto ela fazia uma cara emburrada.

Eu realmente tenho bastantes histórias excitantes com minha irmã e algumas nem tão pervertidas com o meu marido, atualmente Priscila e eu ainda não voltamos a fazer amor desdo dia 25, mas eu estou planejando um dia pra ir lá enfiar aquele trolho na bunda dela pra ela me pagar rs rs rs. Realmente gostei de compartilhar minhas histórias aqui, achei que as pessoas me julgariam como puta ou até sapatona (sendo que eu estou mais pra Bi do que lésbica), gostei de conhecer vocês... Quem sabe algum dua eu volte rs rs rs rs se essa história tiver bastante comentários eu volto, se não, eu me despeço daqui, espero que tenham curtido as minhas aventuras com minha maninha Priscila, ou se não que pelo menos vocês tenham achado, interessante, sei la... bom, nos vemos por ai galera, Mah partindo nessa, até algum dia


Este conto recebeu 9 estrelas.
Incentive MahDoidinha a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
19/02/2020 10:10:30
Sério, seus contos são uns dos melhores q li, gosto de meninas também... Parabéns de verdade a minha aqui tá latejando rsrs
18/02/2020 21:54:39
Mah, muito excitante seus contos, me deliciei com eles.Também escrevi um "diário" para me libertar das aflições, para dividir com outras pessoas o que não posso confidenciar para amigos e muito menos minha esposa. Se ficou curiosa para saber de mim, leia meus contos..entre em contato Mah, email:
16/02/2020 04:50:01
Maravilhoso
16/02/2020 00:13:21
Caraca, nota 10! Pfv leia tbm o meu
14/02/2020 07:27:54
interessante, vc tem e-mail para contato? posso escrever para vc?
12/02/2020 06:28:10
Você realmente deveria continuar escrevendo. Não nós negue a honra de ler suas histórias. Aguardando ansiosa seu retorno. Espero que seja breve. Bjos!
12/02/2020 00:06:27
Volta sim por favor, tem que "se vingar" da sua mana pelo que ela fez ao seu pobre ânus hehe

Online porn video at mobile phone


contosdecornoseputas.blogMinha vida de chifradeiracontos "meu cuzinho rosado" -gay -gayscuzinho da sogra com mrrda contoXVídeos vídeo do ventilado botando a madrasta Xvídeo vídeo caseirocontos eróticos eu e meu sobrinhosó no cu HD pau grosso e leitenovinha brasileira encara pau enorme e chora ponodoidopauzao para meu marido e eu, exibidaxvidei dei viagra pro meu tiu pra ter a desculpa de chupalobranquinha de cabelo preto baby doll da buceta inchadanegao me enrabandovidio porno de mulheris piquenas de 120 sentano ni rolas de 44 centimetrosexo mulher e homem laranhando(sexo) you tube em 1 minutos corno segue o jogo do minha esposa e amigocontos eróticos san e dean incestomulher nao consegue dezengatar do no do cachorro sexonrenad peladasmicilene peladosvideo gta conaminha namoradaporno gey contos eroticos ferias c priminho novinhoanythingxxx acordou com o irmao botando o pau na sua bucetameu tio caminhoneiro comeu meu cu contos eroticos rjcontos eróticos gay fui transformado em putinha e fizeram dupla penetração no meu cuzinho e me arrombarampassando a mao no peitoral beijando o ouvido beijando o pescoco pornMostrar video de rapazes fazendo uma surubs gostosa com a novinha linda rapazes gosando muito e gostoso eles sentindo prazer um com o outro comendo a boyzinha e depois pegando no pau um do outro em xvideofilme de zoofilia sofia nozo eterradofilinha novinha chega. colegio corre senta colo pai pra senti pau pai vibra na sua bundinha contoso pedreiro me comeu a forca!!contos eroticosassistir vídeo pornô pega mulher à força por trás tampa a boca no balcãoAliviando os funcionarios contos eróticosler conto erotico de padre reaisxvideos menimas14mulheres chupando e nholindo toda poreacontoseroticos/comadre rabudacontos gay babydool maedei xoxota para meu pai pausado de manhã, contos incesto fotosvideos porno com as bucetas mas aprrtada e q n quento kid bengalaputa amigos whats conto eroticoencanador conto gaybucetinhaentroutudover bucetuda com ad pernas aberta mostrando a cetonaxvideos cunhadinha nao resistiu amassagemcontos eroticos coroa casada bancaria viajo a trabalho e traiu pela primeira vezx video novos intiada virgem tarada pelo o padrastoconto gay ele se revoltou e tomou todascorno covarde chorao contos eroticosmulhe vai dormi e semastorbacontos eróticos fui da o cu e cagueicontos eroticos eu meu marido acampandoxvideo esfolando a buceta com um cacetetequadrinho etotico segudaose disfarcou de abajour xvideos.comcheirei a bunda da gorda conto eroticogts agaxada mostrando o bucetaoContos reais de bisexualidadesemtiadas xvdfilme de zoofilia sofia nozo eterradoxvideo brasileiras paraibanaicontoerotico eu namorada mae e tioepiei roludo mijandocontos de mulheres que virao cenas de casais transando e se masturbarao so sorubinha com elas filha da putaas praguinha nuas motra a buceta lindavideo fazendo dp pra sartisfaze o maridomenina bunduda senta no colo do papai noel para tirar foto e percebe ele com o pau duro na sua bunda xvidioxxvibeo morena fudeno com 4negao no trabalhocontos meu primo gordinho foi dormir comigo e comi o cuzinho deleexibicionidmo psra gstçon de motelcontos sexo gay faculdade roludoconto erotico com anal arrombei a mulher do meu compadretravesti comendo a pastoraMissionárialer contos eroticos menagepeituda ri ao ver pinto mole do cara mais aproveita quando ta duraobucetadadani do voleiFui masturbada no onibus contosso fotos da namorada do traficanti nem de chortinho disvideos pono muha vumitano no paucontos eroticos safados de professoras madurasencubado flagrado dando o cuDominando a Mãe da AlunaContos gays passeando de carro vestida de crossdresscontoserot/mamae pegou eu e meu irmao brincando de medicovideo olhei peludo no banho deu vontade de chuparmaninho pegou no meu priquto contossua puta ou seu viado o celular e meu e se quero asisti video porno tenho que asiste por que.paguei pra ter minha escolha desgraçaXevedeos cumendo a filha do delegado vedeos casero contos fudedor criolo de voadinhos e gays