Irmã safada entrou no meu quarto escondida

Um conto erótico de José Roberto
Categoria: Heterossexual
Data: 09/10/2019 11:25:44
Nota 10.00

Como diz o grande filosofo Falcão. O chifre foi feito para o homem. O boi usa de enxerido.

Eu bebi deste cálice amargo. Descobri que minha namorada estava me traindo.

Foi uma noite terrível. Fui pra casa. Me tranquei no quarto e chorei muito.

Me senti o pior homem do mundo. Até minha masculinidade coloquei em dúvida.

Será que não fui homem suficiente? Eu não dei carinho ou atenção.

Mil coisas passam pela nossa cabeça. E intimamente a gente se culpa. Acha que o problema é a gente.

Minha doce e amada queria me ajudar. Me chamou inumeras vezes pra conversar.

Mas eu não queria falar com ninguem.

Bom depois de tanto chorar acabei adormecendo.

Enquanto estava dormindo senti uma sensação muito gostosa.

Uma euforia um tezão. Pensei ser o resultado de algum sonho erótico.

Mas aquilo estava muito intenso para ser apenas um sonho.

Vou despertando aos poucos e vejo movimentação debaixo do lençol

Quando ergo o lençol tenho uma grande surpresa.

Vejo minha doce irmã, chupando o meu pau.

(José Roberto) - Maninha o que você está fazendo ai.

(Clarice) - Rs. Acho que é meio obvio né?

(José Roberto) - Você está louca? Somos irmãos.

(Clarice) - E dai? Só quero que você se sinta melhor. Já que você não quer conversar, achei que isso iria te fazer bem.

Bem que eu queria continuar argumentando.

Mas as deliciosas chupadas da minha irmã me roubaram o juizo.

Ela lambia e chupava com tanto carinho. E aquilo estava mexendo com a minha líbido e principalmente curando a minha auto estima.

Minha irmã é uma super gata. Do tipo que pode ter qualquer homem do mundo.

Uma linda morena de cabelos castanhos. Estava usando calcinha e sutiã verde escuro.

A boca era maravilhosa e muito carnuda. Ela sabia alternar chupadas vigorosas com lambidinhas sensuais.

Punhetava o meu pau e lambia as minhas bolas.

Sinceramente era tarde demais para detê-la. Já tinhamos ultrapassado os limites impostos pela sociedade.

Admito eu e minha irmã sempre nos demos muito bem desde criança.

E as primeiras descobertas sobre nossos corpos foi um com o outro.

Nossa mãe nunca soube. Mas a gente via as revistas porno do Papai e tentava fazer igual.

Com o tempo a inocencia foi embora e a vergonha apareceu por isso paramos com essas brincadeiras picantes.

Mas acredito que o desejo continuava latente tanto em mim quanto nela.

(Clarice) - Tá gostando maninho?

(José Roberto) - Muito. Ahhh!! Você é uma delicia.

(Clarice) - Lembra quando a gente era criança e eu beijei o seu pau pela primeira vez. Eu era uma bobinha. Achei aquilo meio nojento. Mas agora eu estou adorando mamar a sua rola. Ela cresceu bastante e tá bem dura. Cheia de veias e muito quentinha.

Ela falava essas coisas e chupava e lambia e acariciava minhas coxas e a minha barriga me levando a loucura.

Eu sentia meu pau roçando na lingua dela. Uma boca tão quente e molhada.

Melhor que muita buceta.

Ela empinava a bunda pra me provocar. Jogava seu cabelo para o lado. Pra me deixar ver seu rostinho de anjo se acabando na minha piroca.

Ela lambia gostoso minhas bolas e punhetava com carinho a minha glande.

Meu pau já estava pulsando de tanto tezão.

Beijei a boca dela, e comecei a tirar a sua lingerie.

Eu queria muito retribuir o carinho, dando muito prazer a minha doce irmã

Ela ficou de ladinho. Eu logo atraz dela. Ela abriu bem suas pernas Entrelaçando a coxa dela na minha.

Deixando sua bucetinha desprotegida. Então por traz eu encaixei minha piroca na xaninha dela.

E comecei a foder. Enquanto acariciava seus seios e beijava a sua nuca.

Ela rebolava gostoso. Parecia estar gostando muito

Ela ajudava no vai e bem empurrando a sua bundinha pra traz.

Assim meu pau entrava bem no fundo.

Depois ela rebolava. E eu sentia meu pau acariciando seus lábios vaginais.

Ela estava muito ofegante e gemia muito.

Fiquei com medo de acordar nossos pais.

Mas este medo só aumentava o nosso tezão.

Eu fodia a bucetinha carnuda dela, enquanto acariciava seus seios e beijava a sua boca.

Eu sei. Parece errado o que vou dizer. Mas eu sentia que amava a minha irmã de verdade.

Nunca foi assim tão gostoso e tão intenso com ninguem.

Comecei a beijar e a chupar seus seios. O mamilo dela era delicioso

Tinha seios médios, durinhos e perfeitos. Cabiam direitinho na minha boca.

Eu passava a lingua nos seus mamilos e depois mordiscava o biquinho.

Eu senti ela indo a loucura. A sua bucetinha estava enxarcada de tanto tezão.

Ai ela quiz mudar de posição. A safada sabe que sou louco por uma bunda. Ficou em pé.

Se apoiou na comoda empinou a bundinha pra eu foder a bucetinha.

Pequei ela de jeito. Como a bucetinha já estava bem lubrificada.

Eu comecei a meter rápido e com força.

Todo o corpo dela tremia. A cada estocada que eu dava eu via a bunda e os seios dela balançando.

E aquilo me deixava mais louco.

Ela gemia e gritava cada vez mais alto.

O clima era muito forte e intenso. Continuei bombando sem parar.

Tinhamos que gozar logo. Antes que nossos pais acordassem com tanto barulho.

Mas não foi dificil. Minha irmã é muito linda e gostosa. E a minha pegada foi forte.

O tezão recolhido de tantos anos na vontade sem fazer nada.

Explodia agora num intenso e delicioso gozo.

Eu e minha irmã estamos completamente apaixonados.

Se gocê gostou deste conto assista ao video.

Acesse: gatasexy.tk

O nome da postagem é: Irmã safada entrou no meu quarto escondida.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
10/10/2019 14:46:55
Parabéns
09/10/2019 18:51:25
Ola baiuchinha vamos trocar os contatos, o q vc acha estarei esperando sua resposta no próximo
09/10/2019 18:49:55
Ótimo conto, estarei esperando pelo próximo relato
09/10/2019 18:10:50
Posso ser sua irmã? Hahahaha delicioso seu conto! Ardendo!
09/10/2019 18:07:04
que sorte hein. uma irma gostosa assim

Online porn video at mobile phone


Porno gratis xvideos marido rebita a bundacontos corno manso ineditofoi mal apertarou aqui sem quercalsinha molhada fotos de bumdas boaPau efunga e xxvidos finha figeadolecens safadas trazandocontos erotico chantagiei e depilei minha sogramulheres que gostam de ser encostada no ônibus contoscoroa de beibidol seduzindo o genro na casa dela brasileirasConto erotico arombei minha enteada novinha magrinhbucetasangrou com vibradorporno dento da pestinha minina. bricandu con celula. caio na neti de calcinhavelha descabaça a buceta na pica do cavalocontos eróticos a irmã de minha espoza bunduda e coxudacdc igor seu idiotaconto erotico gay viado submisso vira femea do negaocontos eroticos menage bishortinhos de jogadoras lycra lycra gigante gostosoconto erotico gay com amigo velho coroa grisalho do trabalhomulher fode compomba de 30 centimetronovinha perdendo o c***** com pai anotado x.comVídeo d homem fazendo sexo anal com cochoroxvidei dei viagra pro meu tiu pra ter a desculpa de chupaloiotube videos putariha potonocrente safada contosElda dando o cú gostosocaralhos gigantes e cabeçudos de héteros no pornodoidoAna da prassa e nossa mostrano a buceta no vidioconto erotico tirei a virgidade do meu irmao novinho gayzinhonovinha inosente foi da pra um pareseu tresContos o vizinho pintudo machucou meu cuvitinho meu sobrinho contos gaysmulheres com avargina aberta explodindo de porramenina já com a priquitinha na calcinha na picinacontos trai meu marido com um cara do pau grandeminha esposa cely e nosso caseiro negrao nosso machoconto erotico novinha ver o volume gigante na cauca do velho20contos eroticos transei com meu filho gostosotentando encaixar a pica no uterocontos de Dra medica com negao dotado de 25cmvídeo pornô de padrasto safado que transa com suas enteadas nem peitinho de cabelo com Regina nasceudei o cu e estourou minha hemorroida contosvideos e tags de coroas sentindo tesao vemdo filme de fodaquero ver mais linda buceta bem gostosa que adora você tinha até meu marido matou na buceta gostosa no grelo bem ponto de ir para lambe chupa bem gostosinho passo a pontinha da língua nesse grelinhoxxvideoso pau maior do mundo rasgado bucetascontos eroticos papai me comeu e eu gosteiBesteirascontoseroticosquero ver pênis de homem buceta de mulher vídeo de safadeza unha sendo mortohttp://comto erotico comendo cú menina crenteconto erotico nora carenti fudendo cm sogro pirocudosexo pozicao mamaeve papi pornodoidogrita puta selvageria braba xvideosxvidio as gostosa d vedtido curtinhoconto mulher tarada oooh como é gostoso da o cu para varios homenscontos erotico,meu genro me enrrabou dormindoporno.bunda.na.cara.xeroza.perfumadatezaozinhaContos eroticos marido de pinto pequeno chama amigo roludo para esposa certinhaporno conhecendo minha primaconto erotico velho barrigudo comedor de ninfetacano grosso buceta cock.comfazendeira metendo com piao pretocoloquei o dedão n cuzinho d minha netinha contos eroticosgostosa vou catucar sua bobaque eu faço para eu come buceta de clarinha ? mas nao da brexaCONTOS DE SEXO INCEST IRMÃO BAJULANDO IRMAZINHAvideos de mulheres ficando toda impinadinha ao perceber a encoxadavideo porno tres homem cumendo uma mulher a mulher seduz aeh o home começa passa.maõ nela ais os tres come ela a bucea e o cu e bota ela pra mama e os homem cupha ela tdComtos lesbica flagante Viagemchupei meu genro cavalo de pau contocomedo novınha a forcacontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgeConto porno prima perdeu no jogo teve que dar a bucetaporno pasando a rola na mulher do corno no onibosmacho comendo cu de outromachoxvidioProdroto meti pau dura na buceta da entiada dorminoPor Fovar ensine minha buceta desagradavel porn full video Contos eroticos incestos a forca netinhassxvideo dificil pra vc lukasexo tesao caricia exitante gemido passadas de maos nos seiso na bucetaraspo o bocetao na ciriricao velho me comeu conto eroticoas munheres transando no banheiro tomando banho com a bucertar meladinhar conto anal gordinha tanajuranegao.fincou.muito.rapido.o.pau.no.cu.da.morena.que.gritou.muito.escreve palavra enrabardoporno menina virgem ser marturbado de calçinha de redinhaXvideosirmão pega irmã e marido fica so olhandocarolzinha baixinha gostoza trepanoconto erotico de tia e sobrinho evangelico