Mamadeira cheia

Um conto erótico de Nordestino
Categoria: Homossexual
Data: 11/08/2019 00:07:41
Última revisão: 12/08/2019 21:55:17
Nota 9.75

Olá, esse é meu primeiro conto, venho expressar algumas das coisas que eu imagino nesta página, espero que gostem. Há, os contos desse perfil tende a ser para o publico gay!

Bom, sou o Valentim, tenho 1,67 de altura, negro, pele limpinha, 60kg, devido minha altura, sou cheinho, meus pais me chama de bombom, isso é por conta que tenho uma bunda bem grande. Sou aluno secundarista, logo daí podem tirar clusões sobre minha respectiva idade. Hoje, vou relatar algo que aconteceu comigo no final do ano passado. Era quase no período de férias, todos bem atarefados com suas atividades, então, meu professor de matemática passou mais um trabalho para finalizar a nota. Sou melhor na área de humanas, não sou bom com números, mas sempre me virei.

Não tenho muitos amigos, nunca fui de ter muita gente ao meu redor, sou filho único, tenho uma família com poucos primos, além do mais, todos são mais velho que eu. Nunca fui tão próximos deles, visto que sou um pouco mimado, eles não gostam muito do meu jeito, dizem que minha mãe não deixa eu fazer nada, as vezes me chamam de bicha, pois eu gosto de ficar em casa vendo filmes, não gosto de nada másculo. Se eles soubessem que além de tudo isso que eles acham sobre mim, eu ainda sei muito sobre sexo… hahaha, na verdade pesquiso muito, gosto de filmes adultos, por isso não sou muito de sair, fico vendo por horas, enfim… Além de saber muito sobre, eu sinto um pouco de tesão em cara mais velho que eu, no caso meus primos haha, mas se eles soubessem disso, aí que nunca iriam querer ficar perto de mim.

Meu pai tem dois irmãos, cada um tem dois filhos, todos homens e todos maiores de idades, uma diferença de quase 5 anos da minha idade. Bom, com esse trabalho de matématica, tive que pedir ajuda ao meu pai, pois ele é o único que eu poderia pedir ajuda, ele é administrador formado, trabalha em um escritório de contabilidade junto com meu tio.

Eu - pai, você pode me ajudar com o trabalho de matemática? Será minha última nota da disciplina e eu não sou bom com números!

Pai - Hoje não dá, vou ficar até tarde no escritório, vou ver com o seu tio, pois ele disse que o Pedro começou dar aulas de matemática particulares.

Eu - Sério? Nunca peço nada, quando preciso de ajuda ninguém me ajuda!

Pai - Valentim isso é minha ajuda, eu não posso lhe ajudar, mas vou achar alguém que pode! Vou já até ligar para seu tio, para o Predo vim hoje aqui e vocês já começam logo. Seu tio falou que o seu primo vem aqui às 16h, ainda não estarei aqui, como sua mãe está com a sua vó e só volta de viagem mês que vem, é bom que no período da tarde você não fica só!

Minha mãe está na casa da minha avó que mora em outro Estado, minha avó ficou doente, então minha mãe teve que ir ficar com ela, a previsão que ela volte só no outro mês. Também, ela estava brigando muito com o papai, pois ele passa muito tempo no escritório e chega muito tarde, mas isso é história pra outro conto. Quando meu pai me disse que iria ficar sozinho com meu primo, imaginei mil coisas, meu primo Pedro mede 1,80 de altura, deve ter uns 80kg, joga bola, na verdade pratica tudo que é esporte. Ou seja, seu corpo é muito definido, as pernas dele são muito grossas, em consequência disso sua bunda é enorme, tudo que ele veste fica muito aperto, e o seu imenso volume fica muito marcado.

Meu pai saiu para o trabalho, fui correndo para o banheiro, tomei banho, fiz tudo que tinha que fazer. Vesti um shortinho bem curto, uma camisa folgada, deitei no sofá e acabei dormindo. Sonhei coisas maravilhosas, inclusive, com o meu primo. Então, a campainha tocou, acordei assustado, fui abrir a porta, era meu primo Pedro.

Eu - Oi, perdo. Tudo bom? Entra!

Pedro - Vou bem, o tio falou que você estava precisando de aulas, estou aqui. Mas, você está bem animado né? (falou olhando para baixo).

Eu imediatamente olhei para baixo e percebi que estava um pouco excitado hahaha. Coloquei a mão na frente e o Pedro entrou, então fui correndo ao banheiro! Voltei, sentei na mesa, meu primo já estava lá com o material pronto, daí começamos a estudar, ele me ajudou muito com minhas atividades, aprendi um pouco. Depois de algumas horas pedi um intervalo nos estudos, fomos lanchar na cozinha, então começamos a comer, Pedro derrubou o copo com suco em cima dele, se molhou todo, sujou seu calção e um pouco de sua camisa, ele foi ao banheiro para se limpar, aproveitou e tomou banho. Limpei as coisas, quando me espanto com Pedro gritando pedindo uma toalha e short do meu pai. Fui ao quarto dos meus pais, peguei uma toalha e uma short do meu pai desses de jogar bola, bem folgado e velho, porém, ele era bem curto, isso só facilitou minha escolha. Me direcionei ao banheiro, fui entrando sem bater na porta, minha intenção era de ver o meu primo nu, queria ver o que causa tanto volume em seu short. Meu primo se espanta e fala!

Pedro - Qual é Valentim? Não sabe bater não?

Eu estava paralisado, olhava fixamente para o pau do meu primo, era lindo, era bem proporcional ao corpo dele, ele era meio grande, estava mole, vale ressaltar. Era grosso e bem simétrico ao tamanho, meu primo puxou a toalha da minha mão e falou!

Pedro - Qual é? Agora não vai mais tirar o olho do meu pau?

Nesse momento surgiu mil pensamento em minha cabeça, inclusive dele dizer ao meu pai, logo eu fiquei todo vermelho e sai do banheiro, falando já vi maiores em filmes! Mas por dentro estava me questionando o por que eu disse aquilo, pois só me comprometeu ainda mais! Enquanto ele estava no banheiro, só pensava como eu fui burro, pois se ele falasse ao meu pai, seria o meu fim.

Pedro saiu do banheiro, não pude deixar notar que ele estava sem cueca, me pediu uma sacola plástica e colocou suas coisas e guardou na mochila. Voltamos a estudar, eu estava morrendo de vergonha, já eram quase umas 19h, meu primo me pegava frequentemente olhando para as suas pernas na tentativa de ver o volume dele, ele ria, eu ficava com vergonha, mas a cada oportunidade eu olhava. Não demorou muito, ele disse que já era tarde e que amanhã ele viria novamente e que meu pai disse que era pra ele vir a semana toda. Ele se levantou não deu para não olhar para a meia bomba que estava no short, ela muito marcante, dava para ver quase tudo, queria pegar sei lá.

Pedro - Vou indo então, amanhã eu devolvo as coisas do tio, fala para ele!.

Eu - Ok, pode deixar vou falar sim!

Fui ao meu quarto, fiquei pensando no que eu podia ter feito, e como eu posso está ferrado se Pedro falasse ao meu pai ou ao meu tio. As horas se passaram, nada do meu pai e a tensão só aumentava, então jantei e fui pro quarto novamente. Dormir, acordei já era outro dia, estava meio que atrasado para ir para a escola. Fiz tudo correndo e fui tomar café, meu pai me apressando para terminar logo, então fomos para a escola, no carro meu pai disse que meu primo falou algumas coisas sobre ontem, para ele. Eu gelei na hora! Sem reação alguma deixei meu pai falar. Então, começou a dizer que meu primo me achou preguiçoso, falou que sei das coisas mas que sou muito distraído, que é só questão de esforço mesmo, ainda falou que eu fico olhando muito para os outros e para coisas aleatórias. Quando ouvi tudo isso, meu coração voltou bater, estava com muito medo do que meu pai iria me dizer. Logo após a volta realidade, desci do carro e ri muito, nossa como fui tonto, pensei que meu primo tinha percebido algo, isso fez com que eu quase me entregasse, fui burro, pensei aliviado!

Cheguei em casa, passei pela cozinha, fui usar o banheiro, percebi que meu primo havia deixado a cueca dele na minha casa, peguei, fui correndo para meu quarto, entrei no banho, comecei a me masturbar pensando no meu primo e cheirando a cueca. Terminei o banho, fui lavar a cueca do meu primo, deixei secando e fui assistir. Passou algumas horas, meu primo chegou mais cedo, então, toca a campainha e abro a porta. Ele já entrou falando, hoje você não está tão animado quanto ontem, falou olhando para baixo, fiquei com um pouco vergonha. Ele entrou, fomos para a mesa começamos a estudar, passou algumas horas e ele pediu para usar o banheiro, então falei pra ele ir no do meu quarto que estava mais perto, a aula estava chata, estava morrendo de tédio, não aguentava mais. Não demorou muito, ele volta com a cueca dele na mão.

Pedro - O que minha cueca faz no seu banheiro?

Fiquei sem palavra, não sabia o que responder, então disse que tinha sido meu pai, ele pensou que era minha.

Pedro - Sério? Meu tio pensa que você usa uma cueca desse tamanho? Sei o que você estava fazendo com ela. Eu vejo você me olhando e para onde você olha. Meu tio não é bobo e nem você!

Comecei a perceber que meu primo estava falando comigo em um tom muito estranho, então retruquei.

Eu - Sim, fui eu que peguei, lavei e coloquei no meu box, você é bem sujo. Estava fedendo meu banheiro aqui de baixo, seu porco. Também, essa cueca é um tamanho normal, pois o que você disse que eu olho tanto, percebi que fica bem perdido dentro dela, mesmo ela sendo normal!.

Pedro - Ah sei, pensa que vou cair nesse seu papo, já vai pedir pra ver ..., sei como vocês são.

Eu - Vocês quem? Pois só tem eu e você aqui!

Pedro - Você e seu pai!

Eu - O que tem meu pai haver com isso?

Pedro - Rapaz, para de falar besteira, já viu pau melhores que o meu. Então você anda vendo pau demais por aí né seu viadinho?

Eu - Primeiro que eu não sou viado, se fosse não teria problema, meu pai não se importaria, e sim, vejo muitos paus, mas é em filmes e eles são bem maiores que o seu. Também comem pessoas que não é o seu caso.

Pedro - Com certeza meu tio não se importaria e o meu pau é tão grande quanto os dos caras do filmes, você ver os filmes só pra ficar vendo as rolas dos caras, ficam falando as coisas como se soubesse fazer algo, não aguenta nada, nem o peso de uma mina encima de você e nem uma rolada ahahahah, disse sorrindo!

Comecei a perceber que o rumo da conversa estava indo para um caminho sem volta e eu realmente queria me perder nele, mas teria que fazer o meu primo vir comigo. Então, disse!

Eu - Hahaha… Sei o que você quer, mas saiba que eu sei fazer tudo e mais um pouco das coisas que vejo nos vídeos, inclusive estou preparado para tudo. Falei olhando fixamente para seu pau!

Pedro - Falei! Sei o que você quer, já aviso que não vai ter, essa mamadeira aqui, só é pra quem realmente sabe mamar! Tem muito leite aqui!

Parecíamos duas crianças, mas com muito tesão e medo de tomar a iniciativa, não poderia perder a oportunidade, então disse!

Eu - Vamos ver então, quero ver se tem tanto leite assim, aposto com você qualquer coisa!

Pedro - Rapaz, depois não vai se arrepender!

Nesse momento já havia perdido o medo da situação, então já fui tomando a iniciativa, me ajoelhei na frente dele, coloquei a mão sobre seu shrot, seu pau estava muito duro, ele vestia um jeans, como tudo nele ficava apertado, o tecido grosso meio que segurava tudo aquilo dentro da calça. Ele ficou meio pensativo, mas não tirou minha mão de cima dele, comecei a abrir o zíper, ele estava de cueca branca, aquilo me deu mais tesão, comecei a cheirar seu pau, foi lindo, a medida que eu cheirava, ficava mais duro, meu primo estava imóvel, olhei para cima, meu olhar se encontrou com o dele, nos encaramos e ele disse!

Pedro - Ajoelhou vai ter rezar!

Abriu mais um pouco o zíper, abaixou a calça e forçou meu rosto contra seu pau, depois segurou meu pescoço, tirou o meu rosto do seu corpo, me cuspiu e me deu um tapa, foi forte, ficou vermelho, então eu disse!

Eu - Tá louco? Meu pai vai ver isso, não sou boneco!

Mau termino de falar, ele já me dá outro tapa, comecei a ficar com medo, ele pegou novamente em meu pescoço e forçou seu pau contra meu rosto novamente, fiquei sem ar e me afastei dele!

Dai ele falou!

Pedro - Oxe, você disse que aguentava muita coisa! Que sabia muito sobre tudo, que aprendeu tudo nos vídeos! Ta chorando por quê? Continuou..., olha como você me deixou, a mamadeira ta cheia!

Estava com um pouco de medo, mas com muito tesão,aquilo tudo estava me deixando mais louco ainda, parecia que eu estava em um filme. Depois que ele me falou tudo aquilo, então eu assumi meu papel e disse:

Eu - Me fode então primo!

Só foi a conta, ele abaixou a sua cueca, cuspiu novamente em mim, disse abre a boca. Meu primo era bem mais alto que eu, seu corpo era de uma pessoa adulta, a mão dele é imensa, e elas estavam segurando minha cabeça enquanto ele fodia minha boca com o maior tesão do mundo, comecei a me engasgar, era muito grande, passei o dente no pau dele, era muito grosso, ele me bateu outro vez, me mandou abrir a boca, estava amando, me sentindo dominado, nunca havia chupado ninguém antes, na verdade, nunca transei antes, mas estava disposto ahahha. Meu primo sentou no sofá, abaixou mais ainda sua calça e sua cueca, me chamou para ir a seu encontro.

Pedro - Chupa minha putinha, sei que você gosta, ta no seu DNA!

Eu não entendi muito bem, mas obedeci, apesar de gostar daquilo, não queria mais tapas. Comecei a chupar igual aos filmes, fazia o meu melhor, mas na prática tudo era diferente, mal conseguia engolir a cabeça, mas tentava. Meu primo disse para cuspir em seu pau, fiz isso e ele mandou também passar a lingua no seu pau todo, estava gostando muito daquilo. Então mais uma vez ele disse!

Pedro - Cospe no meu pau e me masturba!

Quando fiz isso, ele me puxou com as duas mãos e me coloca para chupar com mais velocidade, começou a forçar seu pau na minha boca cada vez mais fundo, já estava todo babado e seu pau também, isso só facilitou, seu pau começou a ir cada vez mais fundo na minha garganta, ele estava amando, eu também, só que estava ficando sem fôlego, ele segurava minha cabeça e direcionava para onde ele queria, levantou minha cabeça,olhei para ele, meus olhos desciam lágrimas, mas não eram de choro, elas escorria por conta do pau dele que estava indo muito fundo na minha garganta.

Pedro - Você gosta né? Vamos ver se aguenta mesmo. Disse olhando nos meus olhos.

Se levantou do sofá, permaneci de joelhado, ele começou a foder minha boca muito rapido e com muita força, o barulho que fazia era muito prazeroso, eu estava me achando um ator, no caso uma atriz que chupava muito bem os caras. Meu primo começou a bombar cada vez mais forte, eu já estava sem fôlego, então comecei a força para sair dali, ele me segurou com mais força, colocou todo seu pau na minha garganta, estava morrendo, parecia na verdade, não conseguia sair de lá. Comecei a vomitar, mas não era vomito era uma baba sei lá, fiquei com muito nojo, mais o meu primo não tirava seu pau da minha boca. Comecei a me bater muito, então ele segurou com mais força e colocou mais fundo seu pau, então, começou a gritar a se tremer, cada tremida mais ele aprofunda aquela vara na minha garganta, já não tinha mais força e ele goza dentro da minha boca. Aquilo estava tão dentro de mim, que o seu gozo desceu pela minha garganta igual água. Ele caiu no sofá e eu no chão, meu piso ficou todo babado, uma gosma branca, era muito nojento mas eu estava sem força para sair dali. Olhei para meu primo e vi que ele estava esgotado, ficamos um pouco alí, então ele Pedro começou a rir, hahahaha…

Pedro - Você quase perde aposta, teria que me dá o cuzinho se perdesse, disse rindo!

Eu estava sem força, olhei para minhas pernas e vi que estava todo gozado, gozei sem se quer me tocar. Amei saber que dei tanto prazer e ao mesmo tempo senti, que o gozo saiu sozinho. Então, olhei para o meu primo e disse!

Eu - Que leite saboroso esse seu, quero mais!

Começamos a rir, quando percebemos já era mais de 19h, meu primo tinha que ir, tomou banho, se arrumou, pegou suas coisas e disse!

Pedro - Ver mais filmes, tenho muitos planos para você meu bombom, hahaha... disse rindo!

Então, fui arrumar as coisas, limpei tudo, tomei banho e fui dormir. Meu pai chegou estava no sofá ele me pegou no colo e me levou para o meu quarto. Já era manhã do outro dia, acordei animado, fiz toda minha rotina, fui tomar café. No carro meu pai fala!

Pai - Gostei de ver, ontem você dormiu com os livro perto, vejo que está se esforçando, seu primo disse que você é um ótimo aluno e que quer lhe ensinar outras matérias.

Chegamos na escola, estava bem feliz com tudo o que havia acontecido, passei em matemática, logo as aulas acabaram e fiquei de férias. Então, fomos todos para a casa dos meus avós paternos. Porém, isso é história para outro conto!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
23/08/2019 10:11:09
Adorei
12/08/2019 14:20:41
Amei o seu conto. Quero te agradecer pelo comentário que fez no conto Chupou meu pau por gratidão. O nome do garoto é Pedrinho. Acredite vai ter muitas novidades e reviravoltas na história. Mas tudo será explicado no último capitulo. Só estou revisando antes de publicar. Pq aumentei um pouco a idade dos personagens. Fiquei com medo de não ser publicado. Mas pelo jeito do Pedrinho falar dá pra imaginar que é bem novinho. rs Se quizer fazer amizade ou conversar sobre contos meu e-mail em breve vou passar o face é que eu to sendo punido e no momento não consigo falar no face
12/08/2019 03:41:24
PEDRO É UM BABACA. FOFOQUEIRO. COM CERTEZA SABE SOBRE ALGUMA COISA DO PAI QUE O FILHO NÃO SABE. SUPER INTERESSANTE. CONTINUE RAPIDINHO. MUITOS ERROS, FALTAM PALAVRAS PRA COMPLETAR AS FRASES. REVEJA ISSO.
11/08/2019 08:03:11
Como assim tá no DNA? O pai dele também apronta né?
11/08/2019 02:18:12
Continua pfvr esse tesão

Online porn video at mobile phone


conto erotico me vestindo de garotinhaPorn conntos erotico pastor fode a esposa do obreirooconto erotico sexo bruto com 2homemxvidio denguinho analmulher gravida barriguda lava a xoxota e o cu pra fudemalandro gay passivo dando o cu contotarado nuonibuvidios da mulheque pasa chifrenomarido comotrocontos eroticos cheia de pentelhos horriveiscontos enrabei um cuzinho gostosoele desentopiu a bunda delaXVídeos apavorou nua bêbada dormindo em cima da cama semxvideos coroa engoliddo potraxvideodo novınha fazendo sexo nos matoXvideo anal mao levamtado a barogaconto o vizinho velho com novinhacontos fudi a minha netaxvideo tara com apacoteiradoce nanda parte cinco contos eroticoscontos eroticos meninas de dez anos transando com cachorro com calcinha vermelha com lacinhos pretovídeo porno de mulher com negrão sedo estrupadas no cu e gozando muitoxvidio porno zelado comi fazedeiraconto gay estuprado pelos noiadosXVídeos novinha chupando rola do padrasto indagavagay dançando com sunga do Paysanducontos.porno gay um.namoro americano cap 29chupando a buseta defentea gostosa do rabao com um shortinho curto sarrando no maninho ate que ele nao resistexvidios c cunhada roselenafilme pornô lésbicas suando nariz na cara da outra Tirando catarroconto erotico gay com padrasto velho coroa grisalhogostosas não aguento melo pau de merdaputaria brasileira posicao papai e mamae pra salvar no celularpornô com magrinhas bem branquinhas e Dalvinhacontos cnn gay soquei no cuzinho de dois garotos no sinal"meio abertinho" gay contoaribjr/escritoreu, minha namorada, minha namorada e meu tiocontos eroticos pedindo pra ser cadelacontos erotico minha sobrinha suadinhaconto bunduda peidano pauzaocontos eroticos novinha aprendendo andar de motocão e pensso xvideosgay casa dos contose apaixonei pelo idiota da faculdadeContos eroticos incesto com titias e crentescorno xxx veibidor trasparentebucetinhaa. pequi nininhaboafodasangueconto erotico viadinho vestiu calcinha e shortinhominina botando a pica de um ecuino na bucetabolinei amigo ate ele mi damenininhas com bucetinha apetadinha gritando tirá tirá taduedoloira chupano o personal dotado ela ver volume do shorte fica insitadaContos erotico iseto tia e subrinhotraipegando a mulher do amigo xvideosxvodeo fudendo morenas celadas de 4putariha gratis de pai chupando os peitiho duro da fiha noviha bobihacontos eroticos novinha aprendendo andar de motoai como doi pucona pornoconto eroticos de sentadaporno mulhers efomeadastravesti de bunda grande mas gostosa do recife ponodoidopornodoidobrasileiro cunetecontos eróticos gay o tratador de cavalofotos ato da novela a gata pauzudo picudoscontos sou um rainha do analfilme porno chantagem com a sogramulher fazendo sexo e o cara comendo a bucetinha e o cuzinho dela empurrando a picona ela gemendo respirando fundo e ele empurra toda na bucetinha e filmando escondido ela vergosada no trem lotadoxx videos menina pedro agilidade notado abertagostosa safada trepando dms ta pika dura pornodoidocontos me hospedei no hotel e rasgaram meu cugordinha rabuda da seno curiada pele irmãoNecsEexela aregacou meu pau e depois chupou pornodoidodei a buceta pro meu filho com consentimento do seu paio botãozinho do zíper escapou da bolsa como coloca fácilmorena gostosa fica nervosa porque queria meter mas so tirou a ropa seu parceiro gozou entao ela tocou uma ciririca e gozo na cara deleconto erotico comendo rabo da dona da verdureiratosa de peitinho arrebitado tomando banhobotei a pica na vagina da cadela no siotexto entida seduzindo padratogorda casada com3 na suruba meninos contoconto erotico com porteiro velho coroa grisalhoconto erotico talitaconto erotico `gerente do restaurante`http://www.xvideo.asadas.samdont.com.br/mulheres mascarinhosa. ao chupar picahomem manda mulher comer seu cu pra elegosardando com dorbuceta pro pai irmaocasada carente muito seria mais foi ceduzida pelo cadeirante contoscontoseroticosemrevistasporno gay morros dotados desvirginandocontos pornos comadres morenacowboy velho gay contospornor doido batendo poleta na varanda sexohttp://porno contos eroticos meteu e gozou dentrocontos eróticos com fotos esposas estupradas submissasconto erotico smartfitamiga foi estudar e terminou deixando chupala