Coisas do Destino cap 24

Um conto erótico de Mtk
Categoria: Homossexual
Data: 23/11/2017 11:17:06
Nota 9.67

Oi galera...cheguei com mais um capítulo pra vcs ...e esse tá do jeito q vcs gostam...boa leitura...e não esqueçam de comentar.

Continuando...

Ela riu outra vez e se afastando,começou a tirar sua camisola,ficando apenas de lingerie,me olhou e falou maliciosamente.

Camila: Fê...não se controle...me faz tua de novo Fernanda!

Eu me arrepiei inteira ouvindo isso. Eu não tava acreditando no q estava ouvindo, o amor da minha vida ali na minha frente,me pedindo pra faze-la minha. Então eu não pensei em mais nada, apenas segui meu coração. Fui me aproximando dela devagar e a puxei pra mim,colando nossos corpos, ela colocou suas mãos em minha nuca e olhando em meus olhos,disse o q eu tanto queria ouvir da sua boca.

Camila: Eu te amo, Fernanda.

Eu: Eu também amo muito você Camila.

A beijei com todo meu amor e com toda saudade q eu estava dela,do seu beijo,do seu cheiro,do seu toque...ela fazia carinho em minha nuca,enquanto eu já apertava sua cintura e a puxava mais para mim,o beijo foi se intensificando,ela foi beijando e mordendo meu pescoço, enquanto tirava minhas roupas,fomos em direção a cama,tirei seu sutiã e a deitei ficando por cima. Parei por um tempo e fiquei olhando aquele corpo lindo q eu tanto senti saudade junto ao meu.

Camila: Amor,não fica só olhando,vem cá vem.

Eu: Não vou ficar só olhando...

Camila: hum...então vem aqui e mata minha saudade de você.

Voltei a beija-la devagar,depois desci minha boca para o seu pescoço e minha mão para sua menina e comecei a massagea-la ainda por cima da calcinha. Fui descendo com minha língua até seus seios e quando coloquei um na boca,ouvi ela gemer mais alto,me enloquecendo ainda mais . Ela apertava minha cabeça contra seu seio e gemia gostoso. Parei um pouco apenas para tirar sua calcinha,desci minha mão até sua menina,apertei e ela estremeceu , então comecei a estimular seu clitores. Aos poucos senti q ela iria gosar, então ficou descendo minha boca pelo seu corpo,passando minha língua na sua barriga e quando cheguei em sua menina,cai de boca naquela delícia...fui beijando,e depois fui passando a língua de baixo pra cima...e quando não mais resistir comecei a chupar com vontade,ela se contorcia toda,apertando minha cabeça entre suas pernas e gemendo cada vez mais alto,e eu fazia prisão em seu clitores com minha língua,e logo depois a penetrei com 2 dedos dentro dela, ela logo estremeceu e teve seu primeiro orgasmo da noite. Continuei chupando e ela gosou,subi beijando seu corpo,até seu rosto rosto estava vermelho e suado, ainda com os olhos fechados e um sorrindo lindo. Beijei sua boca e deitei ao seu lado,ela veio e deitou em meu peito enquanto se recuperava, ficamos nos olhando em silêncio, até eu falar:

Eu: eu nem acredito q estamos aqui juntas...

Camila: Nem eu...você é muito teimosa Fernanda...a teimosa q eu mais amo na vida.

Ela me puxou e me beijou e o clima logo voltou a esquentar, eu me encaixei entre suas pernas e logo estávamos rebolando uma na outra e gemendo alto,eu mordia sua orelha e apertava sua bunda.

Camila: aí Fê, não para...aí q gostoso.

Eu: Gosa pra mim, vai...

Camila: Gosa comigo amor...

Gosamos juntas e eu cai na cama,e ela ficou em cima de mim, ela levantou a cabeça e perguntou:

Camila: Posso te fazer uma pergunta?

Eu: Claro q sim

Camila: Depois de td q aconteceu,de tudo q passamos...você vai dizer q só sente desejo por mim?

Ela parecia apreensiva esperando a resposta,e eu com um enorme sorrisso no rosto falei.

Eu: Hum, só desejo não...Camila eu te amo,e já não sei viver e nem quero viver sem você.

Ela voltou a me beijar e ficamos namorando até adormecer uma nos braços da outra. Acordei as 07:00 da manhã,ouvindo o barulho das meninas meninas chegando,a Camila parecia não se incomodar,pois continuou dormindo abraçada a mim. Resolvi dormir mais um pouco. Acordei duas horas depois com meu celular tocando,atendi e fiquei conversando com minha mãe,depois de desligar resolvi levantar e procurar pela Camila me deixou sozinha na cama. Sai a sua procura e a encontrei na cozinha,cheguei devagarinho lhe abraçando por trás e beijando seu pescoço.

Eu: bom dia meu anjo loiro.

Camila: bom dia meu amor,já estava indo te acordar.

Eu: você me deixou sozinha, então levantei e vim te procurar.

Camila: eu vim fazer seu café da manhã,e já estava indo levar pra você.

Eu: hum,então vamos pro quarto e a gente come la, pode ser?

Camila: pode.

Eu: mais antes...eu quero meu beijo de bom dia.

A virei de frente pra mim,e fui beijando sua boca,chupando sua língua...e o beijo foi ficando mais pegado,comecei a passar minhas mãos pelo seu corpo,e ela com muita delicadeza me afastou,e u estranhei sua reação na hora.

Eu: o q foi agora?

Camila: nada amor, é eu tô com fome. Vamos comer primeiro?

Eu: mais eu também tô com fome, mais fome de você.

Camila: eu não sabia q você fosse tarada assim...

Eu: hum, é mais sou só com você...agora vem cá vem...

Agarrei ela,e fui beijando seu pescoço,apertando sua cintura...e ela reclamou.

Camila: Amor para,as meninas podem acordar,vem vamos pro quarto.

Eu: E daí se as meninas acordarem ? Tá com vergonha de mim Camila?

Eu: Meu amor,para de bobagem. Não tem haver isso q você falou...eu apenas não tô afim de ficar dando explicações agora.

Eu: hunrum sei...

Camila: Ei, para de bobagem,e desfaz esse bico lindo...vem vamos pro quarto,e depois falamos com elas pode ser?

Eu: pode.

Ela saiu me puxando até o quarto,onde tomamos nosso café entre beijos e muito carinho,falamos dos nossos sentimentos e de tudo q aconteceu,e prometemos q apartir dali lutariamos pelo nosso amor e não deixariamos q nada iria nos separar. No fundo sabíamos q seria difícil,pois a família dela talvez não aceitaria,mais lutariamos pra ficar sempre juntas. Terminamos nosso café e saímos do quarto, algumas das meninas já estavam acordadas e outras como a Babi e a Carol ainda dormiam.

O edu resolveu q nós iríamos embora só no dia seguinte. E eu estava com uma idéia na cabeça,então fui acordar a Carol pois iria precisar da sua ajuda...e em meu a protestos ela levantou,pedi q distraisse a Camila,enquanto eu daria uma saidinha rápida,e foi o q eu fiz,e logo estava de volta.

Na hora do jantar eu e a Camila resolvemos falar com as meninas,e quando todas já estavam na mesa pra jantar,a gente começou a falar:

Camila: Meninas,a Fernanda e eu,queríamos contar uma novidade a vocês...

Márcia: então falem logo.

Eu: Bom meninas, a Camila e eu conversamos,finalmente nos acertamos e estamos juntas.

Babi: até q enfim...finalmente. Vocês duas são muito teimosas.

Edu: eu estou muito feliz por vocês meninas.

Carol: aê cunhadinha até q enfim finalmente deu uma dentro.kkk

Eu: Pois é Carol,eu acordei pra vida na hora certa,e eu jamais iria me perdoar se perdesse a chance de viver esse amor....e com vocês q são nossa segunda família como testemunhas,eu queria...

Nessa hora peguei uma caixinha do meu bolso,abri e segurando nas mãos da Camila,eu finalmente fiz o pedido.

Eu: Camila,depois de quase te perder,eu vi q não consigo mais esconder e nem fugir desse amor q já tomou conta de todo meu ser,e quero q receba essa aliança em sinal do meu amores do compromisso q quero assumir com.

Camila,você aceita namorar com essa pirralha teimosa,cabeça dura,orgulhosa,mais q te ama e q fará tudo pra te fazer feliz?

Ela me olhou com lágrimas nos olhos, e com aquele sorrisso lindo no rosto q me deixava toda boba.

Camila: Nossa amor,é claro q eu quero...é o q eu mais desejo,está sempre ao teu lado,cuidando e te amando todos os dias de nossas vida.

Colocamos as alianças,lindas por sinal,a dela tinha o meu nome e a data q nos conhecemos e a minha tinha o nome dela e a data daquele dia onde começaria de verdade nosso relacionamento. Nos beijamos entre aplausos das meninas,até as mais chatinhas torciam por nós.

Desse dia em diante,começou nosso compromisso,nós sabíamos q teríamos muitos obstáculos pela frente,mais se ficassemos juntas tudo seria mais fácil. Ela tava receiosa com a reação de nossas famílias,a minha sabia da minha opção,mais ela tinha medo por ser mais velha q eu 9 anos, e a família dela não aceitaria q la namorar uma mulher. Eu a tranquilizei e disse q assim q voltassemos pra casa,conversariamos com nossas famílias.

Depois de uma semana da nossa chegada marcados um jantar na minha casa,eu havia dito aos meus pais q estavam namorando uma pessoa mais velha e q no jantar apresentaria minha namorada. Eles ficaram curiosos pois fazia tempo q eu não levava nenhuma namorada pra conhecê- los. E eu estava ansiosa e na marcada a Camila chegou e fui recebê- la, a cumprimentei com um selhinho rápido,eu segurei em suas mãos e senti q ela estava tremendo,ela estava muito nervosa,eu tentei tranquiliza- la dizendo q daria tudo certo. Entramos e fomos até a sala de jantar,onde estavam os meus pais.

Bom gente tá aí mais um capítulo,espero q tenham gostado e cometem...bjos até o próximo.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
03/12/2017 22:35:44
http://kxcontos.blogspot.com.br/ novo site galera! Visitem! contos e muita putaria
25/11/2017 14:16:58
Coloca logo outro conto.
24/11/2017 22:07:52
Aii que bom que att já estava anciosa kkkk. Aii aleluiia que elas enfim se acertaram 🙏🙏 amoo esse casal
23/11/2017 23:42:05
Leia o meu é vou por
23/11/2017 23:41:30
Que delícia!!
23/11/2017 18:20:08
Ahhhhh q lindassss... Próximo hehehe
23/11/2017 14:26:59
Heheehe já estava na hora..... Cont cont
23/11/2017 14:05:53
Até k enfim neh. Casal lindooo

Online porn video at mobile phone


Porno idora com boca e cu cheios de esporraguri ñ aguentou pau grande, contoscampeonato de ciriricaCasada amigo do.meu marido ceueu cuzinho contosmRcela viaDo pistoludo fudendo o cu da mulher do cornoquequero tranzarboquetecorneagem xvideos.comxvideos nao resisti ao padrasto dotado q fode sem do ela gemendo muitobumbum gg virgem anal com dotado tentou correr mas conseguiuliberei o cucomo passar a pomada azulzinha na buçetaxxvideo vibrador dentro do cuzinho vibrandocontos eroticos padrinho tira o cabacinho da afilhadapornodoido batedo na intencao da chanaprima safada fode com primo ai mãe pega osdoes#contos eroticos sozinhaconto erotico ca sada. com o velhoConto gay - "pede rola"fotos de mulheres camponesas dando o cu e gemendo muintocontoseroticos.vip/hetero/eu-minha-esposa-e-meu-amigo-da-adolescencia-parte-6/contos eroticos meu enteado me comeuMeu marido viaja e meu sobrinho me fodeto cagando nessa pica gozandovideos de pornodoido levou anovinha pr fode demadrugadameu genro me fodeu XVídeos pornô porra gostoso molhado Pal extraordinariamente gostoso enfiando a buceta molhada e quente gosano de bastantefilha a reda causilha e pai empura rolaconto erotico meu marido me viu dando o cu e gostouconto erotico gay negao dominador gosta de viado obedientepornodoido filiinho da mamãe continuação do conto erótico de incesto eu so fudia a buceta da minha filha eu ainda não tinha fundido seu cu virgem eu disse pra minha esposa que eu fudia a buceta da minha filha minha esposa disse pra eu fuder minha filha na sua frente eu comecei a fuder a buceta da minha filha minha esposa tirou sua roupa eu fudi elas duas juntas eu depois eu levei minha filha pro motel pra eu tirar a virgindade do cu delamae fisurada pelo filho pornomeu cuzinho amanheceu melado e doendo contos gayporno com coroa nafajinapornodoido pesso para dormir por que tenho medo de trovõesmae e filho trazando ele goza detro delascarine patricinha casa dos contoscontos eróticos fui visitarminha madrasta novinha e comi elaconto erotico smartfitNina da prassa e nossa mostrano a buceta no vidioprequitinho novo rapadoconto erótico amamentei os garotos gostósinhas pornocontos gay baby doll rosaContos mendiga pornoПРОДАМ-БАЗУ-САЙТА-gtavicity.rucontos gay babydool maeFotos de surubas com comtoscontos pornôs vingança órfã gangbangO doce nas suas veias - (Capitulo 13)-zdorovsreda.ruporno eu e minha cunhada ficamos sozinho em casa não resistir elaMeu compadre fudeu minha buceta e cucotos eroticos piralha virgemadolecente mostrando a buceta deitadavde Costa fotos .comconto gay do pedreiro que comeu o branquinhoporno das conto erotico viado foi no pagode na favela e deu o cu pro travesticontos swing dei a minha calcinha para o meu genrodar e coçar e so começar contos eroticospenetrano bem fundo na buceta da sogra na cama..neta sentindo opau du avo durocontos eroticos casada timida no cinemawww.contoseroticos fui viola por um mega caralhudobati punheta num desconhecido no onibus contosfiquei bem v******** batendo p****** bem gostosa cantando Caladinhapediu outro cacetexvideoSou mulher casada meu compadre me fodeuquero ver mulher alisando a Tabaca dando tapa na b*****roludo comendo cu de coroa e tem pau cagadoFamílias nudistas sem tabus todos pelados nas praias e também em casa. Casa dos contos.na hora da tranza sinto um liquido querendo sair da minha vagina,entao gozeicontos eiroticos leilaporncontos metendo com estrutora de auto escola casadavidio de boquete profunda engolindo ate os badalosbest camerasxvideo foda rija ate choramulher tem garra para aguentar o dotado no pornodoidodrikaleka jasminy casa dos contos