Jovem Tímido com Atitude Invade a Intimidade e Penetra nas Curvas da Gostosa Vizinha

Moro numa cidade próximo de São Paulo num prédio de única torre, de 5 andares, com três quartos sendo um deles suite, com varanda ampla gourmet. Os térreos ganham um espaço para jardinagem, moro em um deles, deixei o meu bem florido e arborizado. Um dos vizinhos um casal gaúcho festeiros. Seu sobrinho fez concurso na área publica, foi aprovado e lotado em São Paulo .

Chegou e fui apresentada uns dois dias depois. No sábado eles me convidaram para uma confraria com churrasco gaúcho, Evan quase não fala, mas observa e me olha desnudando. Quando estou vindo pra casa Ivete, me pedi para ambienta-lo ou melhor se tiver que sair que o chamasse, acho incomodo mas digo que sim.

A noite vou a um aniversário de uma amiga o convido, ele aceita. Passo às 21 horas e ele não fala nada na comemoração vejo que ele não se ambienta e resolvo voltar. Chegando em casa ele fica no jardim com jeito de quem quer conversar.

Tenho 40 anos, pele mulata clara, de seios fartos, cintura proporcionalmente fina e bumbum durinho, trabalho no setor público. Ele branco de 27 anos, alto, entroncado, olhos claros, boca média, e um olhar que penetra na alma de uma mulher sensível.

Ele:

- O que posso fazer para me desculpar?

Eu:

- Não precisa se desculpar, na realidade estava chato.

Ele:

- Se incomoda de sentarmos um pouco?

Eu:

- Claro que não.

Sentamos juntos e ele vai conceituando os assuntos mais abordados na mídia, e já tarde nos despedimos. Dentro de casa, vejo outros atributos nele além de lindo é inteligente. Meus devaneio achando que ele olhou para minhas pernas e decote.

No outro dia acordo um pouco tarde e minha vizinha me convida para almoçar na sua casa, aceito. Visto um short curto branco, uma camiseta bem colada estampada e sandálias dourada. Chego e nos cumprimentamos, tem mais dois vizinhos, um casal. No término ajudo a dona da casa na arrumação da cozinha e depois haja chimarrão. Convido Evan para conhecer minha casa, ele entra e sem perceber nos esbarramos, sinto um calafrio e ele me segura.

Viemos para o meu jardim, sentamos num banco de madeira com almofadas, me movimento sensualmente no banco balançando a cabeça e mexendo o corpo, sinto ele inquieto, acho ótimo. Pergunto da namorada e diz que ficou, eu fico um pouco decepcionada, mas invisto no meu objetivo, então projeto o corpo pra frente, ele está se excitando, sem querer toco nele que estremece e eu também.

Se atreve e me abraça, camuflados entre as plantas nos beijamos ele suga minha língua com paixão.

Falo:

- Voce tem compromisso não é certo.

Ele:

- Na realidade, estamos dando um tempo.

Sua mão inocente desce no contorno do seios e alisa fico ofegante, ele aperta e com o outro braço me acocha mais, sinto a delícia da sedução. Vem com o rosto cheirando o pescoço e no seio, me olha com as "pedras cintilante" e me seduz, ele vai num bojo do soutien e tira um seio e chupa ... chupa e fico asfixiada.

Sussurro:

- Atrevido.

Ele:

- Gostosa!

Murmurejando:

- Estou sem aguentar seus seios mexendo na minha frente.

Digo:

- É impressão sua, gaúchinho.

Ele não se faz de rogado, e tira o outro do bojo e chupa... o bico cresce e ele aperta com os lábios. Ele quer mais e desata o fecho e os livra do soutien, fecha os olhos e chupa com lactante... chupa com "aleitação" o mundo desaparece e gozo. Percebo que estamos no jardim e que podem nos ver, mas ele está alterado... conturbado e coloco a mão dentro do short e encontro quase fora da cueca a pica, amacio e ele fecha os olhos.

Murmurejo:

- Não é certo, você tem compromisso

Ele:

- Não tenho mais.

Puxa o resto do soutien pelos braços levanta a camiseta e olha os dois com as " pedras cintilantes " e os peitões" sambam " na sua frente... os bições o espera e chupa chupa... lambe lambe... passa a barba mal feita nos bicos... rosno e ele volta a sugar com fúria, alguém nos chama e voltamos a realidade. Sua tia Ivete aparece e falamos que já vamos. Entro em casa para me recompor, pego o soutien, tomo banho e me acalmo.

A noite ele vem aqui em casa e me encontra de vestinho caseiro fresquinho e sexy. Corre a mão no meu corpo e não encontra o soutien, invade meu decote se curva e chupa chupa... os peitões... eu gemo ... lambe lambe... e mama com lactante ... apago a luz ... tira minha calcinha e cheira enlouqueço e ele com a mão enorme vasculha minha nádegas... e se apossa da xoxota bolina e depois lambe meu melzinho fico "desatinada estouvada."

Murmura.

- Gostosa ... carnuda... suculenta... vou comer...

Me solto me abaixo e puxo a bermuda junto com a cueca e me deparo com a rola entroncada e gostosa, rugosa e com veias se desdobrando pela excitação, segura-a com as duas mãos e chupo chupo... o cheiro delicioso do prazer se pronuncia e ele grita o impublicavel.

Me levanta e me escancaro no braço do sofa e... nos chamam no jardim, voltamos a realidade. Ele se vai e eu sou uma tocha de fogo. Alguns minutos depois recebo a visita de Ivete, ela fiz que viu as duas cenas, penso que vai brigar, mas diz que nos apoia, contanto que sejamos responsáveis, e cuidado para não magoar ninguém.

Vou ao banheiro retoco a depilação, tomo banho me hidrato e chuveirada, visto outro vestido e uma calcinha minúscula. Ele retorna e ficamos nos beijando sem culpa, agora com calma fechamos a porta e ele me namora com beijos apaixonados e depois chupa os peitões que parecem empedrados deixo e ele se farta" lactando " e gozo.

Ele me olha cintilando e vamos para o quarto de hóspede mais reservado. Ele sem apressa tira o vestido e vasculha com as mãos meu corpo, tira a calcinha bolina na xoxota facilito e sente ela " caramelada " do gozo. Tira sua roupa e nu se deita na cama ampla e arrumada.

Rosno:

- Gosta de ostinha?

Ele:

- Sim, e de de carne farta e dourada.

Digo:

- Então vai ter tudo.

Ele:

- Tenho algo entroncado pra lhe dar.

Eu:

- Queeero.

Ele me puxa e 69... direto na xoxota e abre os lábios da " ostrinha" e chupa... chupa e sinto a sucção da boca me consumindo... me movimento e ele gruda ... eu... chupo sua pica gostosa já eriçado e passo em torno dos peitões... sinto seu cheiro ... o odor do sexo... sugo a cabeça e ele está no ponto.

Me escancaro de costas e ele pede de quatro e me esparramo deixando a xoxota ao seu alcance... ele se prepara e... coloca a cabecinha e a xoxota vai engolindo... e absorve toooda sinto um desmaio... grande... e ele inicia a cavalgada... galga... monta e vai vai vai... vou sem som ... com os olhos lacrimejando e ... gozo... ele segue tirando e metendo... segue a jornada... mete mete e sinto o gooozo pleno.

Ele ainda cavalgando ... comendo a buceta gulosa e vou com vontade de mais um gozo e ele se satisfaz. Ficamos nos curtindo, ele dorme aqui e no outro dia vai cedo pra casa.

Durante a semana namoramos quase todos os dias, rápido mas com paixão. No sábado marcamos de fazer uma viagem para uma ciade próxima, acordamos e pegamos a estrada. Reservamos um hotel bem gostoso, o clima esfriou nos agasalhamos e tomamos um café num lugar aconchegante, depois saimos e no estacionamento.

Diz:

- Mor vamos esquentar um pouco.

Mas já abre meu casaco e baixa a blusa, e boca nos seios e chupa... eu não resisto esse ato sempre me deixa rixa de desejo esse gaúchinho é fogo e me deixa uma tocha.

Vamos para o hotel, no corredor abre o casaco, temperatura agradavel e chupa meus peitões, abro sua calça e encontro minha entroncadinha, quentinho e vai se abrindo na minha mão, me abaixo e chupo, um hóspede aparece, sem graça entramos.

Vamos ao ponto, tiramos os casacos e ele tira minha blusa e o soutien... faz biquinho e abocanha meus seios e gemo nas mãos dele ... dos bichinhos doem de tanto meu "lactário" chupar.

Murmuro:

- Venha tomar leitinho.

Tiramos o resto das roupas e cama, me aninho no seu mastro e chupo todo e ele vai solvendo minha " ostrinha" como se fosse um néctar da culinaria do mar, meu " caldinho " ele lambe e degusta ... eu mamo na mamadeira grossa que engrossa mais e mais... fica rígida e sinto seu cheiro me enebriando ...

Murmurejando:

- Se escancare minha gostosa.

Ele gosta de quatro e me posiciono e ele com o instrumento encaixa na xoxota... me abro e ela entra e sinto a pica me queimando na xota e urro como uma loba e ele mete e tira ... come come e sinto o gozo ... ele ainda a caminho e soca a pica e me empino sensualmente e ele goza.

Passamos nosso final de semana nos conhecendo, passeando e nos amando. Ele me realiza como mulher, doma a fêmea insaciável que sou.

No domingo à noite já em casa, ele vai pra casa da tia, desaruma tudo toma banho e vem às 22:00, trás a roupa do trabalho. Eu antes dele chegar desarrumo a bagagem e vou ao banho, molho o cabelo, faço hidratação completa e o espero para jantar de macaquinho curto de oncinha.

Ele quer antes saborear meu docinho caramelado e eu tambem... nos beijamos com paixão e ele abre o zíper do macaquinho de malha, meus seios aparecem ele os toma e chupa os doloridos com os bicos ardidos e chupa chupa e queeero e gosto... tiro o macaquinho e fico de calcinha de oncinha e puxo o cordão do short e fica de cueca.

Me coloca nos braços e vamos para o quarto de hóspede, é mais reservado, me coloca na cama tira minha calcinha e chupa minha xoxota com sucção e gozo. Se levanta e fico deitada e ele com a pica coloca na minha boca e chupo ... abocanho toda e ele em pé se segura na cabeceira da cama... geme ... já eriçado e vermelha, ele se acomoda na cama e vem... coloca a rola na entrada da xoxota ardida e mete... excitante a dor misturada com prazer... vai me possuindo e mete mete ... gozo... ele goza depois.

Tomamos banho e jantamos e depois ficamos namorando na sala no sofá. Ele como e lactante se acomoda e fica chupando os bicos e acaba dormindo. Vamos pra cama e coloco o bico e ele dorme...

Até a segunda parte se pedirem.

Comentem se gostaram e votem.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Elcazinha a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
09/03/2019 13:06:59
Excelente conto Elca! Prende a atenção e nos coloca na cena com você. Muito excitante desde a descrição do seu corpo. Com certeza lerei os demais! Nota dez! Quando puder venha ler os meus, são reais. Você vai gostar!!!
16/11/2016 13:16:41
Maravilha de conto. Fico imaginando vc toda vez que leio seus contos. Adoro. Bjos
16/11/2016 13:15:47
Excelente conto! Adoro ler e ficar imaginando vc. Bjos
18/08/2016 13:49:04
Niko, este e a essência do conto, que o leitor se inspire e refaça com alguem de muito tesão o que vivo com meu Evan o Vando. Ele ama e arma muitas fantasias, que me deixa louca. Boa leitura.
18/08/2016 12:30:58
Na boa Elca, estou no trabalho e ia tocar outra pelo tesão que me despertastes...Mas vou reler esse aqui com uma pessoa e ter uma foda inesquecivel com ela...
15/08/2016 13:18:37
Relendo esse conto, encontro a visitante " viuvinha" faceira espiando minha pegada com o vizinho. Percebeu que ele é timido? Mas no decorrer mostra-se atrevido na medida e ainda por cima uma delícia de homem. Hummm foi inesquecível com meu bagual entroncado e de pingolão. Irei te visitar.
09/07/2016 16:51:20
também fui fazer um lanche , estava aqui frenética lendo e postando comentários, eu ja te passei meu email nos comentários, deliciosamente a descoberta de nossas ideias.
09/07/2016 16:48:30
Ja fui na Deli comprar pão e voltei rápido para ler seus comentários. De verdade gostaria de manter contato fora do site tendo em vista que temos pontos em comum. Mas não divulgo meu email.
09/07/2016 16:15:01
hummmmm...delicia molhadissima desde o inicio da tarde lendo seus contos querida. nota 10
10/05/2016 08:30:06
Que delícia estou cada vez mais viciado nas suas histórias , continue ...jcachorrão
05/05/2016 09:34:05
Muito bom, nota 10, conhecendo seus trabalhos agora e vou ler todos. Continue por favor.
05/05/2016 00:50:55
Sou novo aqui Mais sempre li muitos contos ContinuContinua
04/05/2016 20:49:47
Agradeço aos primeiros comentaristas, os novatos sejam bem vindos. Já Colorado é assiduo "hors concurs" sempre um querido, aliás fundamental. Certamente publicarei a segunda parte. Beijosss
04/05/2016 19:00:00
Pode continuar o conto!!! Os leitores assíduo da Elcazinha já me conhecem. Aos novos tenho que pedir para observarem o conjunto, a sensualidade, enfim, OBRA PRIMA QUE É!!! Sou fã de carteirinha dessa TESAO DE MULHER!!! Continues postando para a alegria da NAÇÃO. Muitos beijos.
04/05/2016 18:08:17
Excelente conto. Continua por favor.

Online porn video at mobile phone


sou encanador sexoprica cavalaacariciando a b******** da indiazinha dormindoconto etotico patroa e empregada bixesual e seu esposocontos eroticos gozou gostoso na vagina da cachorra pastora alemã no ciofazendeira metendo com piao pretoler contos eróticos de mulheres fazendo sexo anal e peidandopaso um gel e finco no cu pornodoidopiroquinhas durinhas contosirmãzinha virgem nascendo primeiro pentelho transa com seu irmão bem dotado XVídeosfilha minha femea contoporno japonesa humilhada exibida chantageada e abusada 2 contoPorno en t re s o gro e no ra conto eroticoconto lavador de carro pauzudocontos eroticos menininha malcriada levando pica como castigoe já te mandei tu também vai vídeo pornô adoro sexo de lavadoraFudendo a prima ela pidiu arego mais eu nao deixeixvideos putaria hd agaxadas sem calsinha provocando gozo do marido broxagemendo e gozando gostosas espirrar esperma longe. porno atitudifilha gulosa senta o cu na rola do pai de 40cm desce devagarnovinha aser estuprada com padrasto aser desvirginada enquanto dormecontos meu filho vive me encoxandodei a buceta pro borracheiro contos eroticostio.transa com subrinha dormino peladArabetao bitelofoi mal apertarou aqui sem querDo caralho-macho alfa-contofudendo o cuzao dapropria mae incesto real com caralhudoconto erotico de casado o perigo mora ao ladovideo de porno de coroa liduinaSou mulher casada meu compadre me fodeumachucou o cu de bruço www putaria brasileira.comcontos eroticos de negra crente do piraíesposa louca por umpauzao contosx vidio comtos eroticos flaguei minha irmã avócontos eroticos fingi um assalto pra transar com meu filhoa.mulher vai ate ver que.estava.na.porta.era.o amigo dela.e.deu.a.boceta para.elelecontos como meu amigo comeu minha esposacontos eróticos gay da cidade de tupã ?"meu adorável sogrão"contos eroticos GAYS, tesão pelo afilhado surfistacontos erótico minha filha de shortinho curtoconto erotico meu marido me viu dando o cu e gostoumadrasta fagar estado batedor punhetacontos porno scat lesbicoSou coroa casada os mulekes rasgaram minha calcinhamulenapicacontos eroticos de moreno perigosopornodoido jumentao esfolou cuwww.xvideos-gaysinho peniz montro.comcontos sobre chantagiei minha tia e q comix vidio comtos eroticos flaguei minha irmã avócontos fiz tesoura bem gostoso com maninha caçulapiranhona sentando no casetao dotadofoto da buceta peluda sogra dormindo xnxx.com enquadrinhoa minha comadre é apaixonado pela minha picaConto erotico com penis pequenochochotinas de crentinhas fotosdois molequer revezando a novinha no muromarido esposa para faser cuingue curapariga lanterna cima da cama e comendo ela estrupando as mulheres que eu quero verX videos atia comeno osubrinhoe já te mandei tu também vai vídeo pornô adoro sexo de lavadoracontos eiroticos leilapornvideo promo as novinhas chupado em fila compreta de negraowww.contos eróticos eu curiava minha mae.commenina tranzando escodido de nove anosvideos desabafos cacetudos con vontade de gozar se mostra can cacete muinto durovídeo pornô a novinha tomando banho com gosma e sangueContos eroticos marido combina com o cara para cortar sua energia para poder comer sua esposa