O ERRO DO MEU MARIDO (an american tale)

Um conto erótico de guido
Categoria: Heterossexual
Data: 31/03/2013 19:06:21
Nota 8.33

O ERRO DO MEU MARIDO (an american tale)

Jim e eu estamos casados a 11 anos, casamos muito jovens, ele tinha 19 anos e eu 18. Ele se alistou no serviço militar ao invés de ir para a faculdade. Foi quando Jim tornou-se interessado em material pornográfico. Ele ficava especialmente interessado em imagens e filmes inter-raciais. Toda semana ele trazia para casa algum material novo para assistirmos. Eu achava aquele material ofensivo, e não me excitava. Jim comentava sobre o tamanho do pênis dos caras e olhava com espanto para a mulher chupando e fodendo com os membros monstros dos negros. Ele perguntava como podia uma mulher encaixá-los dentro dela. Ele se sentia um pouco inferior, com seu pau de 10 centímetros, e pelo fato de que eu ainda não tinha engravidado. Até então, eu não tinha problemas quanto a ser satisfeita por ele, e pensava que o bebê viria na hora certa. Ele me perguntava se eu gostaria de experimentar grandes paus pretos. Ele dizia que eu ia me sentir bem com um deles dentro de mim e que seria excitante para ele, me ver sendo preenchida pelo pau de um homem negro. Tentei explicar-lhe que tudo o que eu precisava era dele, e não estava interessada. Jim alimentaria essa fantasia nos próximos 8 anos, ele era insistente e ficava me dizendo o quão quente que seria. Após 8 anos de constantes pedidos e súplicas, e centenas de filmes e imagens, finalmente eu lhe disse que iria tentar uma vez, apenas para deixá-lo tirar isso da cabeça. Que erro seria para ele, e que bênção para mim. Eu tinha perguntado se ele tinha alguém em mente para tentarmos isso, e ele informou que não, porque ele nunca acreditava que eu iria fazê-lo. Ele sugeriu entrarmos nas salas de chat. Então, eu criei um nickname para fazer a busca. Eu entrei em várias salas de chat com um perfil dizendo que eu era uma “esposa quente”, e as mensagens vieram instantaneamente. Mais rápido do que eu pudesse responder. Junto com as mensagens, vinham imagens desses homens negros mostrando seus paus. Eu enviava minhas fotos também, quando eles pediam, e descobri que eu ser casada não era um problema para esses caras. Em pouco tempo eu estava falando com vários homens negros, todos os dias. Jim me fazia mostrar-lhe todas as fotos que os caras tinham enviado, e ele se interessou por um cara em especial. Seu nome era Randy. Ele tinha um pau que tinha 21 centímetros de comprimento e três e meia polegadas de grossura. Randy era muito, muito escuro. Jim ficou de pau duro só de olhar para o seu longo pau preto e me disse que seria muito bom dentro de mim. Desde que Jim tinha gostado do Randy, eu decidi conhecê-lo. Randy e eu nos encontramos em um bar duas cidades longe da minha casa (eu não queria que ninguém me visse). Quando eu conheci Randy, ele foi um perfeito cavalheiro. Nos sentamos e conversamos por cerca de 2 horas. Expliquei que Jim queria assistir e para Randy não havia problema. De fato, ele disse que já fez isso antes por homens brancos que queriam ver sua esposa ou namorada ser fodida por um negro. Ele riu, quando me disse que seria um erro que ele iria se arrepender. Randy me disse que Jim não sabia no que ele estava se metendo. De alguma forma, eu sabia que Randy estava dizendo a verdade. Decidi ali mesmo, que era o momento de foder com um homem negro e disse isso a Randy. Perguntei-lhe onde deveríamos fazer isso, e Randy sugeriu fazê-lo em minha própria cama. Eu estava um pouco temerosa com essa idéia, mas Randy disse que era a melhor maneira de deixar Jim cumprir sua fantasia, era vendo sua linda esposa fodida por um grande pau preto em sua própria cama. A idéia era tão quente que eu concordei, com o coração disparado. Nós definimos a data para o sábado seguinte, eu dei ao Randy nosso endereço e número de telefone, e um sentimento tomou conta de mim quando eu o fiz. Eu já estava comprometida com este grande homem negro. Quando saímos Randy me acompanhou até meu carro e me beijou, ele enfiou a língua profundamente dentro de minha boca, meus joelhos se dobraram e minha boceta ficou muito molhada. Eu teria ido com ele dali mesmo, mas ele disse “te vejo no sábado”, e foi embora. Eu me senti tão frustrada. Todo o caminho para casa, minha boceta pingava pensando naquele beijo. Quando cheguei em casa Jim perguntou como foram as coisas. Eu lhe disse que foi tudo bem, e que faríamos tudo no sábado. Ele queria saber onde iríamos encontrá-lo, e eu lhe disse que seria uma surpresa. No sábado, escolhi um vestido curto e bem decotado, coloquei minha maquiagem (talvez um pouco demais, porque Jim disse que eu parecia uma puta barata), e fiz meu cabelo. Jim estava animado e ficava perguntando onde estávamos indo se encontrar com Randy, e eu dizia para ele que seria uma surpresa. Eu tinha dito a Jim que estaríamos reunidos às 7. Conforme a hora se aproximava, Jim me perguntava o que estava acontecendo, porque não havíamos saído de casa ainda. A 5 minutos das 7, a campainha tocou. Jim com os olhos arregalados, disse “Kathy você o trouxe aqui?!?” Rindo dele, fui abrir a porta e lá estava aquele belo homem, grande e negro. Quando Randy entrou, dei-lhe um beijo na boca, sentindo sua língua deslizar na minha boca. Depois do beijo, eu apresentei os dois e fiz Randy sentar no sofá, quando Jim me chamou para a cozinha. Jim estava furioso por eu deixar Randy vir para nossa casa. Eu disse a ele que era a sua idéia eu tentar um pau preto e foi a minha escolha tê-lo onde eu queria, na nossa cama. Voltei para Randy e sentei-me ao lado dele e começamos a nos agarrar. Eu disse ao Jim para nos trazer algumas bebidas, e voltei a namorar com Randy. Quando Jim voltou com as bebidas, eu tinha o pau Randy entre meus lábios, chupando aquele grande pau negro. Eu parei o tempo suficiente para dizer ao Jim para colocar as bebidas na mesa e sentar a bunda numa cadeira. Jim olhou com admiração enquanto eu chupava este pau grande e grosso, tentando obter o máximo que eu podia dele dentro da minha boca. Eu olhei para Jim e o vi com o seu pauzinho na mão, massageando-o. Tomei Randy pela mão e disse: "Vamos para o quarto." e olhando para Jim: “não venha até você ser chamado!.”

Quando entramos no quarto tirei a roupa do Randy e chupei o pau dele um pouco mais, com Randy brincando com a minha boceta molhada. Parei apenas o tempo suficiente para tirar minha roupa, e voltei para Randy e seu pau enorme. Eu estava me sentindo uma prostituta, aqui estava eu, nua, com um homem negro, na minha cama. Ele era o primeiro homem, a não ser o Jim, a me ver nua. Nos beijamos e eu disse: "Eu quero sentir seu pau dentro de mim". Randy riu e disse: "Eu sabia que você ia pedir isso, vagabunda" isso só me deixou mais úmida. Randy me disse para sentar no seu pau. Fui até a cômoda para obter os preservativos. Randy olhou para a caixa e começou a rir. Ele disse, "eles são pequenos para mim, cadela" Eu sabia que eram, mas disse, "precisamos tentar usá-los, Jim vai enlouquecer se eu não usar" eu escorreguei um sobre seu pau e ficou muito apertado, tanto que se rompeu antes de descer 2 polegadas sobre seu pau. Eu tentei outra, mas ela se quebrou novamente, então eu rolei ela assim mesmo até a base de seu pênis grande e preto, sorri e disse: "pelo menos vai parecer que ele está ai".

Randy deitou na cama e eu me posicionei sobre seu pau. E deslizei de forma muito lenta sobre seu pau grande e grosso. Minha boceta estava tão molhada que não demorou muito para que eu estivesse sentada em cima dele. Olhei para Randy e disse: "devemos chamá-lo?" Quando Jim entrou, viu a sua esposa branca sendo tomada por um pau preto. Ele baixou suas calças enquanto nos observava foder. Olhando por cima dos ombros, vi seu esperma no chão. O pobre rapaz se veio sem sequer tocar-se. Eu montei Randy como eu nunca tinha sido fodida antes, ele estava me chamando de todos os tipos de nomes, “sua vagabunda branca”, e “boceta amante de negão”. Ele perguntava se eu queria seu esperma dentro de mim. Pedi-lhe para gozar bem no fundo de mim. Jim olhou para a mesa de cabeceira, viu a caixa de preservativos aberta e olhou para o pau dentro de mim. Tudo o que ele viu foi o preservativo em volta do pau. Pobre coitado, não sabia que ele tinha rompido.

Jim então mandou o Randy me foder. Dizendo-lhe quão excitante era para ele, ver-me fodendo em sua cama. Jim dizia para “dar a ela, transe com ela, dê-lhe o que ela quer, goze nela...” O tempo todo pensando que o pênis dentro de mim estava coberto. Randy bateu-me como um touro no cio. Quando gozou, ele arqueou as costas para forçar seu pau dentro de mim, eu podia sentir seu esperma quente enchendo-me enquanto ele me segurou em seu pau. Ficamos assim durante o que pareceram horas.

Depois o pau do Randy ficou um pouco mole e eu o deixei escorregar para fora da minha buceta, e me ajoelhei sobre ele. Minha fenda quente ficou na frente de Jim quando o pau do Randy foi puxado para fora. Tudo o que se seguiu foi a porra do Randy pingando para fora de mim. Jim olhou com os olhos bem abertos, ele não poderia falar nada, então ele começou a chorar. Quando ele finalmente conseguiu falar, através dos soluços, ele perguntou o que aconteceu com a camisinha, Randy olhou para ele e disse: "eu acho que ela se rompeu, na verdade ela se quebrou enquanto sua esposa estava colocando em mim" Olhei para Jim e disse "foi idéia sua, eu não consegui parar uma vez que começamos, e eu queria que você visse a sua esposa desfrutar de seu primeiro pau preto".

Jim apenas parecia assustado, e queria saber se eu estava no meu ciclo fértil. Eu disse a ele que eu estava bem na data para ficar grávida. Jim e eu estávamos tentando ter um bebê, então ele sabia o que poderia acontecer.

Depois de tudo, Randy me disse que estava indo embora por cerca de um mês, mas queria me ver quando voltasse. Eu lhe disse que adoraria vê-lo novamente. Eu mal podia esperar para sentir seu pau dentro de mim novamente.

Quando Randy voltou de viagem, nos encontramos novamente e ele perguntou como as coisas correram com Jim. Eu disse que ele estava certo, Jim não queria que eu fizesse isso de novo. Foi um grande erro. Eu disse ao Randy que eu estaria transando com ele de novo, eu queria sentir seu pau dentro de mim em breve. Ele riu e disse: "Eu sabia que você iria querer."

Ele perguntou o que eu tinha feito com o gozo dele dentro de mim, e tudo que eu podia fazer era sorrir. Randy soube então que ele tinha deixado sua semente dentro de mim e eu estava grávida. Ele perguntou se Jim sabia e eu disse-lhe "não, eu estava esperando para dizer a você em primeiro lugar"

Depois que eu disse a Jim que eu estava grávida, ele só chorava, ele sabia que ia ter uma mulher branca com um lindo bebê negro. Faz 3 anos que o filho do Randy nasceu. Jim é o cuidador do bebê, e ele se alimenta, toma banho, e faz tudo com ele.

Randy e eu ainda estamos fodendo e chupando. Randy também me compartilha com seus amigos e incentiva-me a encontrar mais paus pretos.

Jim fez um grande erro, ele transformou sua linda esposa branca em uma VAGABUNDA DE PAU PRETO.


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive guido a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
07/06/2013 13:22:39
Delicia, o maior dos chifres...
01/04/2013 15:59:41
delicia. fiquei com muito tesao. sou negro e tenho 22 cm de cacete doido pra enterrar em voce. meu imail e msn é me add ai voce e qualquer mulher que queira um negro gostoso e carinhoso
01/04/2013 11:34:28
kkkkkkkkkk, bem feito!

Online porn video at mobile phone


contos eroticos me entreguei p meu genro k me fez d putaminha esposa aninha novinha e meu tio roludo setima parte contos eoticos Mulherez arregassano o cumenina vigen metno udedo nabusetacontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgeneguinha nao se controla de tesao quando foi almocaxivideo corno empura tudowww sexo adulto 18 anos tutorial de como trazar com cachorros roludos pau gigante. zoofilia.porno doido . com brdesejo o pai sair e comeu a madrastacontos da julia gorda tadinha dela.... dormindo e seu tio fudendo elaxvideos comendo o cadaver no cemitériochupando a bucetinha a força e mordendo muito tarado do canavialescravo comendo dona da fasenda no cuCasada apalpando amigo por baixo da .comesa porno 10contos "meu cuzinho rosado" -gay -gaysquero ver um filme pornô porreta Mel com muita mulher gostosa tomando no c* de calcinha de ladinhohistorias eroticas a pretinha magrinhavideos dr sexo com pau de40cm analgordinha paresendo emanueli nuaPapai coxudo do caralhocontos eroticos cheguei casa escorrendo porra cornosadoro uma rola gg me rasgando contosx videos mulher lammbendo o cusinho do homemConto porno virgem deflorada por traficante pauzudo da favelaNegro comeu gay na roça de salvador conto eroticoxvideos gay dando pro bebinho novinho da ruacontos eroticos menina bobinhanossa essa novinha marcando ojens cim um bucetaocontos eroticos arrebentei o cu virgem do meu cunhadinho na pescariaa casada olha o pauzudo e se apavira x videosincesto servindo cafe da manha com camisolinha transparentecontos eroticos eu meu marido acampandoporno pasto convinando irmao a nao fude irmaContos ertcos me mastubei na sala de aula flagada pelo garoto novinhocontos eroticos neta libera o c pro vovcu arrombado da minha esposa depois da noitadavideo de prono doido com loiiraasxvidiossexodormindovidio porno bate popa vol casadamulheress de pikonesXVídeos comendo a irmã em grudado em mim só confirmandoContos eróticos meu marido solbece quantas rola já levei no cuvi meu primo batendo uma punheta e fiquei louca contoestupro esposa contos eroticosesyrupou a novinha sem dó vídeos pornoVoltei arrombada e cheia de porra mostrei para o cornoAmém tempinho comendo veado vídeo pornô vídeochupei meu genro cavalo de pau contoconto erotico funk peladavideo porno botei meu pau ate as bolas na boca da tiapornô irado mulher no supermercado se masturbando enquanto os outros passamhomens da chapeletao do pênis enchodo arrombando cux vidio pinto arregassano bucetavideos de munhe durmido de xortiinegao a maior rola do mumdo fodendo eledesmaiourelato erotico uma madame na reformacontos eroticos gay dei a bunda dentro do cemitériopornô irado mulher no supermercado se masturbando enquanto os outros passamsexo ! ! tresloucado ♥♡ gostosaver video de jigantão arobando o cu do novinhosexo dedada chulevangélico emcoxado em ônibus contosEróticospornô.comContos eróticos dedadas gostosas na buceta dentro da banheirapinto de guy na bunda do outroxnxxcontos gays- dei o cu pro meu irmao apaixonado por um hetero cap 19mamae e o papaixxvideoensinando minha enteada conduzir contos eroticossex incesto cumendo a priminha piquena e magrinha linda comendo o cu piquenaafricano comeu meu cufazendeira flaga o piao da fazenda cumeno sua egua e fode com elenegão com uma chapuletada pomba muito grande enfiando em loira gostosarnpornodoidofilme porno no iotube com mae e filia transando junto gratisflime porno dois homen trasando com mulher furtapornoevangelicas na zoofilia com cachorropornor doido batendo poleta na varanda homemxxvideo comeu a prima na saladormindoContos eroticos comendo cu da mamae com o papaixvideo comendo a escrava fujona no tronco