Em busca da felicidade (31)

Um conto erótico de Dr. Romântico
Categoria: Homossexual
Data: 17/12/2012 22:32:29
Nota 10.00

Ola minha galera querida, vocês estão mandando muito bem nos comentários, a parte mais gostosa nem é escrever o conto mas sim interagir com vocês. Vocês se dão ao trabalho de ler, depois comentar, então o mínimo que posso fazer é responder a todos, o que faço com maior prazer.

Cris, comece mesmo a ter dó do João e o Felipe, bom....

Mô querida, palpite sim, mesmo que erre feio, hehehe. Fico feliz pelo novo fã que ganhei, fiquei curioso pelos desfechos que seu amado criou, quem sabe não escrevo uma história com ele também? Obrigado pelos elogios.

Sonhadora, extravase sim, quanto mais sincera a opinião melhor, mesmo que seja pra me xingar, rsrs. Ah com certeza o Felipe aprontou.

Geo, tanto o João como o Fernando, erram tentando acertar.

Foguinho, tadinho do Fernando, mas tem uma coisa, o ursinho adora esse tipo de carinho, você iria cativá-lo. Ah quando ao “P” do Felipe, nos próximos posts você descobrirá, mas está páreo a páreo com o do irmão, hehe.

Stah, você esta correto, quando se ama tem que confiar cegamente, mas na prática as cosias são mais difíceis, mas tente ver a atitude de Fernando como uma prova de amor, ou apenas medo de perder o amor de sua vida. Se achou hilário o Felipe no banho, aguarde os próximos posts, e verá o que a Cíntia irá aprontar.

Lena, não vou lhe dar Feliz Natal, pois quero te ver aqui ainda, beijosss.

Baby little, to rindo aqui com você, como assim? Minha história não tem uma Carminha é esta melhor que a novela? E fale do seu jeito mesmo, assim não só eu como os demais leitores, conhecemos um pouco mais da sua região.

Shot, a ficha dele vai cair e perceberá nas burradas que esta fazendo.

MilkMan, Você esta certo, o João errou tentando fazer o bem.

Docinho e Fran, essa semana postarei todos os dias, talvez pare no Natal.

Guilherme, seja bem vindo a história, fico feliz em saber que por volta do 30º capítulo fiz novos leitores. Bom, vou explicar algumas coisas abaixo e vai responder algumas questões.

Bruno Del Vechio, você esta certo, mas apesar da desconfiança o amor dos dois é maior que tudo isso.

Pessoal, iria deixar para o ultimo capítulo, mas vou esclarecer algumas coisas. A grande maioria dos acontecimentos desse conto são reais, alguns personagens também são reais, por isso tento deixa-lo o mais perto possível da realidade. Algumas mudanças foram feitas para que fosse possível virar uma história aqui no site, outras histórias realmente foram inventadas, mas vou deixar a critério de vocês, imaginar o que realmente é real ou não.

Beijo a todos.

Fernando – Alô

Fernando – Como é que é? Delegacia?

João levantou-se no momento indo pra junto de Fernando.

Fernando – O que aconteceu com meu irmão??

======

Capítulo 31

Fernando – Estou indo pra ai agora.

Fernando desligou o celular e já pegou a chave do seu carro.

João – O que aconteceu? Aconteceu alguma coisa com Felipe?

Fernando – Não sei, apenas me chamaram pra ir lá, mas não me falaram. Dizia nervoso e angustiado.

João – Eu vou com você.

Fernando – Não precisa.

João nem contestou, foi atrás dele e juntos seguiram até a delegacia.

Fernando – Boa noite, me ligaram, falando que meu irmão estava aqui, o que aconteceu?

Capitão Almeida – Só um segundo, o delegado de plantão já vai atender.

Fernando estava muito nervoso, na sua cabeça só vinham bobagens, não iria agüentar se algo acontecesse com seu irmão.

Delegado – Boa noite, você é irmão de Felipe Ribeiro Martins?

João – Aconteceu alguma coisa com ele?

Delegado entrem, vamos.

João e Fernando entraram na sala, seguidos pelo delegado, Felipe estava sentado numa cadeira num canto.

Fernando – Graças a Deus você esta bem.

Delegado – Seu irmão foi pego numa blitz, estava com um grupo disputando um racha numa avenida movimentada, dentro do carro tinha várias garrafas de bebidas. É a situação dele não é das melhores.

Fernando – Como é que é delegado?

Fernando – Numa corrida de carros? Racha? Fernando perguntava olhando para Felipe.

Fernando – Deve estar havendo algum engano, meu irmão nunca participou dessas coisas, ainda mais sair bêbado no trânsito.

Delegado – Não era ele que estava dirigindo, mas alguns amiguinhos dele estão na sala ao lado. Você tem idéia no perigo que ele e s amigos dele colocaram para outras pessoas?

Fernando – é verdade isso Felipe? Responda. Fernando já estava nervoso.

João – Posso ligar para um advogado Doutor?

Delegado – À vontade.

João ligou naquele instante para Cíntia, Leonardo era advogado e saberia orienta-los naquela situação.

Delegado – Não vou poder mantê-lo aqui, mas provavelmente o juiz vai querer vê-lo.

Fernando olhava com uma raiva para o irmão, a vontade que ele tinha era de esganá-lo.

Fernando – Doutor, peço desculpas pelo o que meu irmão fez, ele nunca teve esse tipo de conduta, nossa criação não foi assim.

Delegado – Vejo que você é um rapaz bem centrado, mas muitas vezes nossos, irmãos, filhos, fazem coisas nas ruas e que nós nem imaginamos.

Em menos de 20 minutos Cíntia e Léo aparecem na delegacia.

Léo resolveu as burocracias referente a “brincadeira” de Felipe. Enquanto isso Cíntia conversava com João.

Cíntia – Esse garoto hein, aprontando desse jeito, mas dos males o menor.

Cíntia – O que aconteceu, estou te achando abatido.

João – Ah Cíntia, eu e o Fernando não estamos bem, tivemos uma briga feia hoje, nem sei como será daqui pra frente.

João contou resumidamente o que acontecerá mais cedo, já estavam saindo da delegacia.

Fernando – Obrigado pela compreensão Doutor, eu sei que não justifica mas nos perdemos nossos pais num acidente recentemente, meu irmão é bom rapaz, isso deve estar mexendo com ele.

Delegado – Fique atento meu rapaz, começa assim, as mas companhias, bebidas, depois pula pra drogas, outras infrações mais grave e quando a família acorda, não há mais nada o que fazer.

Fernando – Obrigado mais uma vez.

Fernando, João e Felipe foram em silêncio na volta pra casa.

Chegaram no apartamento, Felipe já ia para o quarto mas foi impedido pelo irmão.

Fernando – Aonde você pensa que vai me chapa, vamos ter uma longa conversa antes de você dormir.

Felipe – Ah Felipe, se vai dar sermão, deixa pra amanhã.

Fernando – Volte aqui agora moleque. Gritou nervoso, assustando até mesmo João.

Fernando – Você tem idéia na merda que você fez hoje?

Fernando – sair por ai disputando racha, enchendo a cara?

Felipe – Você não tem nada a ver com isso?

Fernando – Não tenho? Acabei de sair de uma delegacia pra ir pegar meu irmãozinho e não tenho nada a ver com isso? Esbravejava.

Felipe – Mais que porra, se for ficar me jogando isso na cara agora então me leve de volta pra lá.

João só assistia a cena, não tentou intervir, aquilo era um assunto só dos dois irmãos.

Fernando – A partir de hoje você não da mais um passo sem que eu saiba pra onde você esta indo.

Felipe – Você não manda em mim.

Fernando – Mas que merda moleque, dou um duro danado por você e é essa a paga que você me devolve.

Felipe – Faz porque quer, não te pedi nada. Felipe já ia saindo mas foi puxado pro Fernando.

Fernando – Volte aqui, ainda não acabei.

Felipe – Tira a mão de mim, você não manda em mim, faço o que eu bem entender da minha vida.

Fernando – Enquanto você tiver aqui nessa casa, você vai seguir minha cartilha, vou te ensinar a me respeitar moleque.

Felipe ficou bem a frente do irmão.

Felipe – Você não manda em mim, você não é meu pai. Dizia com raiva.

Fernando – Não sou seu pai mas se for preciso faço o que nosso pai faria.

Felipe – Nosso pai esta morto e enterrado.

Fernando levantou a mão para o irmão mas João entrou na frente.

João – Chega Fernando. Essa conversa para por aqui.

Fernando – Sai da minha frente João.

João – Eu já disse que chega, acabou. Dizia João com autoridade.

João – Felipe vá para seu quarto.

João – Chega Fernando, essa discussão não vai levar a nada, de cabeça quente vocês não vão resolver nada.

Fernando – Não se meta nessa história João.

Fernando fez menção que iria atrás de Felipe mas João o segurou.

João – Eu já disse que chega, ou vai bater em mim?

Fernando estava com muita raiva nos olhos, empurrou João que caiu no sofá e foi para o quarto.

Sozinho no quarto, Fernando suava e tremia de tanto nervoso, sentou-se na cama e desabou a chorar. Naquela noite tinha brigado feio com as duas pessoas que mais amava na vida.

Fernando – Meu Deus, o que esta acontecendo comigo? Porque isso agora?

João foi até o quarto mas não abriu a porta, apenas escutava o choro do seu amado, sua vontade era abraçá-lo e conforta-lo, mas seu orgulho falava mais alto, estava se sentindo ferido.

No dia seguinte o silêncio imperava dentro daquele apartamento.

João sai do trabalho e foi se encontrar com Cíntia, precisava desabafar com alguém.

Cíntia – Como esta o Fernando, o Felipe?

João – Ah minha, o clima ferveu ontem, nunca vi o Fernando tão nervoso daquele jeito.

Cíntia – Meu amigo, seu maridinho é um doce de pessoa mas não queira vê-lo nervoso, conheço o Fernando há anos e sei que pra alguém tira-lo do sério, tem que se esforçar muito. Mas convenhamos né, o Felipe pisou feio na bola.

Cíntia – Mas e vocês dois, que história de briga é essa?

João – Ah aquele cretino do Alex novamente.

Cíntia – mas você tem que concordar né João, você não precisava ter escondido isso.

João – Não escondi, apenas não queria dar mais crédito pra essa história, mas como eu iria adivinhar que o Maurício iria nos ver, iria tirar uma conclusão totalmente errada e falar isso para o Fernando.

Cíntia – Mas afinal, o que aconteceu naquela noite?

João – Na noite que os pais do Fernando morreram, eu tinha saído do trabalho e resolvi ir no supermercado do shopping, eu estava saindo quando esbarro numa pessoa no corredor.

=====

João – Desculpe.

“Que isso, não cumprimenta mais os amigos?”

João – Alex???

Alex – Eu mesmo, há quanto tempo hein??

João – É faz tempo mas agora não da pra conversar, tchau.

Alex – Perai. Começou seguir João até o estacionamento.

João – Cara, por favor, não estou afim de confusão com você.

Nesse momento Alex já falava num tom mais sério. Segurando a porta do carro, impedindo João de fechar.

Alex – Acho bom você me ouvir.

====

Cíntia – E ai?

João - Ele entrou no carro, pedi pra ele sair, disse que não estava a fim de conversar com ele, ainda mais dentro no carro no estacionamento.

João – Não sei, mas deve ser nesse momento que o Maurício nos viu, e achou que nós dois tínhamos chego juntos no shopping.

Eu disse pra ele:

==

João – Ta bom Alex, me fala o que você quer.

Alex – Vamos votar lá pra dentro, é sério o que vou falar, também não estou afim de confusão.

João – Tudo bem, vamos então.

Nos dois saímos do carro e fomos até a praça de alimentação, sentamos num restaurante pois eu queria me livrar logo, queria escutar o que de tão importante ele tinha pra contar.

João – Pronto, satisfeito agora? Mas agora vai não me cansa e fale logo o que você quer.

Alex – João, queria te procurar mesmo pra esclarecer algumas coisas mas não tive coragem, eu não quero mais confusão com o Fernando. Mas já que o destino nos uniu novamente. Dizia rindo.

João – Sem gracinha cara , fala logo.

Alex – Então, aquele dia lá no bar, apanhei sem ao menos saber o por que. Depois vim a descobrir que foi por causa de uma foto que postaram na internet, de vocês dois se beijando.

João – Alex, esquece essa história, essa foto não nos afeta mais.

Alex – mas João, não fui eu quem postou essa foto.

João – Como?

Alex – Estou sendo sincero, não fui eu quem postou essa foto, inclusive posso te provar que eu nem estava no Guarujá naquele dia.

João – se não foi você, quem fez isso então?

Alex – Nisso que eu queria chegar.

Alex – João abre seu olho com as pessoas em sua volta.

João – Do que esta falando?

Alex – Quem fotografou vocês dois naquela boate foi a Cíntia, quem criou um perfil falso naquele site, foi a Cíntia.

João – Você chega a ser ridículo cara. Dizia rindo.

João – Porque ela faria isso? A Cíntia é minha amiga, é amiga do Fernando.

Alex – Como você é tolinho meu caro.

Alex – A Cíntia é apaixonada pelo Fernando

João – O que?

Alex – Isso mesmo que você ouviu, ela é apaixonada pelo Fernando e não vai descansar enquanto não acabar com você. Você esta mais seguro ao lado de uma cascavel venenosa do que ao lado da Cíntia.

João apenas olhava incrédulo pra ele.

Continua


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive Dr. Romântico a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
29/01/2013 00:32:45
Muito bom!
19/01/2013 03:34:39
mt bom
20/12/2012 11:53:16
Oiii... troquei de e-mail... eu era o Shun lembra?? Finalmente achei tempo pra ler os contos... muita coisa aconteceu..... vai virar uma série daqui uns dias,,,to adorando ,,, parabens,,,,,
19/12/2012 02:18:16
Como o ursinho é ingênuo ,se ele falou tudo isso justo para a Cíntia ,ela é capaz de inventar uma desculpa e o João acreditar . E se ela realmente for apaixonada pelo Fernando ela vai desviar o assunto . E será que vai rolar uma armação da cíntia do tipo o João pegar ela e o Fernando aí só de raiva o João trai o Fer com o Felipe ... Acho que é aí que tudo vai se encaixar -não é preferência pelo João mas ele aparenta ser tão puro ..o Fer também não escapa ,é um Gentleman e e o que mais sofre ,na verdade a felicidade alheia encomeda mesmo ... Ah Gui por favor :)
18/12/2012 23:02:51
18/12/2012 23:02:48
-Nem eu me entendo. Então esquece o meu último comentário :D nossa!!! Será a Cíntia a causadora de tudo isso? Que por um lado os ajudou e por outro não?! Essas duvidas me matam! Oxe!! Continuaaaaa ^^
18/12/2012 10:20:21
18/12/2012 10:20:18
Babado confusão e gritaria q safado vai por na conta da outra.
18/12/2012 09:23:51
Não acredito que tenha sido ela, se fosse pq ela faria aqele esforço para juntar os dois? Enfim, o conto ta otimo...
18/12/2012 07:25:13
Ah!!! Meu caríssimo Doutor se todo mundo está palpitando, eis aqui o meu palpite também, se não foi Alex, não foi Maurício e de jeito nenhum quero que tenha sido Cíntia, eu aposto 10 contos que foi o colega de trabalho de João, se não me engano, chamado de Pedro(preguiça de voltar pra conferir o nome, espero que seja esse mesmo) acho que ele pretende o cargo de João! Palpite dado, faço agora uma súplica, faz MEU ursinho sofrer mais não!!! O natal está próximo seja bonzinho Doutor, cê quer fazer com nosso romantismo o mesmo que seus colegas Doutores da saúde faz com seus pacientes na saúde pública?! Não nos deixe a míngua, este casal teeeeeeeeeeeem que se acertar!!! Ufa! Me empolguei!rsrsrs...
18/12/2012 02:09:16
Caralhoooooooooooooo...Não quero creditar e até mesmo julgar, mas sei que nesta vida tudo é possível. Mas se for verdade...Pense numa mulher falsa e dissimulada que poderia ganhar um osca pela a sua atuação como amiga.
18/12/2012 00:42:42
Principalmente o seu conto.
18/12/2012 00:41:51
Sera que a Cintia teve coragem de fazer isso?Sera que ela é tão dicimulada pra chegar a esse ponto?amor eu vou passar uns 15 dias sem te seguir pois vou viajar no dia 23 e pra onde vou não tem sinal de net,mas quando eu voltar eu vou atualizar minha leitura nos contos que sigo,um beijão bem grande pra vc.10
Cw
18/12/2012 00:11:43
Perfeito **
18/12/2012 00:00:25
Ah desculpa os erros,to no mesmo barco dos amiguinhos que escrevem pelo celular,é realmente um saco,acho que errei muito. To curiosa pra saber como descobriremos sobre o "P" do Felipe...Foguinho fazendo as perguntas certas,valeu gato,hahaha.
17/12/2012 23:57:35
Ai esse cazo para um detetive particular descobrir pra min virou novela e eu aposto que e quem a gente menos espera sera?mais eu creio que foi o mauricio e eu acho que a cintia nao quer nada com fernando pq se nao ela nao tinha feito os dois ficarem juntos e afinal oque ela ganhria com isso.ai eu nao pude comentar muito pq meu amorzinho ta aqui comigo e ta pingando de sono mais promwto que no proximo capitulo eu vou comentar e fazer umas observacoes.desculpe os erros e pq eu to celular e vc sabe e uma maravilha kk.
17/12/2012 23:47:25
Tadinho do Fernando,fico perdido nisso tudo. Quando tu fala em orgulho eu me vejo no João...sou muito parecida nesse ponto,não consigo dar o braço a torcer mesmo estando errada(não que seja o caso dele),aprendi na marra quando quase joguei fora um casamento de 8 anos! Foi dificil,mas eu entendo eles,na hora da raiva a gente não enxerga nada. Agora para tuudo!! A Cintia,minha idala não é má assim não,impossivel,eu adoro ela. Vou me decepcionar mesmo?? Amo teu conto guri,beijão seu lindo.
17/12/2012 23:36:20
Revelações mesmo... Quantos "suspeitos". Muito bom. 10
17/12/2012 23:06:16
Meus deus altas revelações nesse capitulo, eu aqui pensando que a Cíntia é um anjo, quando na verdade ela pode ser uma cobra??? Não sei se acredito nessa história até porque quem juntou eles foi ela. Acho que o Harry não está totalmente errado em seus palpites sobre o conto, ele não foi com a cara da Cíntia, disse que ela é muito boazinha pro gosto dele sempre tentando ajudar o casal feliz. Mas acho que esse conto irá me surpreender bastante não imaginava esse rumo para história pensava em outra coisa. E em relação ao Felipe ele está indo pra esse caminho meio errado como uma forma de esquecer a morte dos pais, ele pensa que agora está sozinho e não deve nada a ninguém e não tem ninguém para mandar nele ( em minha opinião). Gostando mais e mais do seu conto. Parabéns!
17/12/2012 23:03:14
Morto feat. Cremado. kkkkkk

Online porn video at mobile phone


XVídeos mulheres de baby doll calcinha quando a pele já mostrando para os visitantespornodoidovideo longoContos eroticos anal de ipatinga mgcontos eróticos gay no hotel dei cu para meu sogro viadoContos eróticos: brincando com meninasXnxx esposa do concunhadoconto erotico velho taradoxvidios dando o cuzinho pra pagar alguns meses de aluguel atrasadomulheres prendeno o bico do seio com prendedor xvideoxsvideo caronasBrasileiras lesbicas trazando gostozo com lesbi r-x asbaixar vídeo mulher batendo siririca gozando cobra grande na boca porracolocou viagra no suco do irmão so para fuder com ele sexo gay xvideosPinto do filho contos eroticosmenina que nao tem peito masgoza no pau gradesexo conhadas cozinha nua pau bizarro tesaohomem tirando a ropa da mulher i dando roletada i ele goza na bucetamulher dando pa o dog esitadoconto erotico gay branco dominador gosta de maltratar viado pretocontos incesto mae gts porno levou finha poamigo homenageando a cornodaputacontos eroticos de negoes e ninfetos forçadomulher traindo namorado com a redinhabaixar vídeo pornô mulher fazendo sinal com a mão presa na pia para o homem comer elabucetinhavirgemmagrinhafiz uma foda bisexual com meu filho minha filha minha esposa meu caseiro sua esposa e sua filha contoscontos de cú de solteironaruivinha escanchada no pauquero ver namorada traindo o namorado com cunhada no mesmo quarto com tema da Minniex vidios completo mae patendo uma puenda por filhoxvidio louco desejo vestidinhoconto erotico gay com padrasto velho coroa grisalhoMichele e o tio contovideos de com mulheres muito gostosa muito esitada dizendo qui ta muito gosto que è pra comer o cuzao delasmeia prima querendo dois negao dt porno doidomulheres com grande popozao emfia a mao no cuzinhofudendo a auiliar da dentista no banheiro pornodoidosendo lascada por maquina do caralhiscontos eiroticos leilapornnegas sendo encoxadas e vissando e querendonovia com muita tezao se esfergado no traviseiroxvideo nigro xxxvvnmulher tira prega do cu do macho com straponFilha ta louquinha pra dar e sua mae nao quer deichar xv poenoIsac -Hugo |Contos Eroticos zdorovsreda.rugostosa infia bolinha explovisa na buceta e vai treparmeu dentista me abusou contosxiripornoxvideos com sena em saiandaxvideo quase rubiaebeto tanzadocontos dei para meu cunhado marido da minha irmão cacetao duro do douglas sampaio videocontos eiroticos leilapornconto gay ele se revoltou e tomou todaswwwxxvideo incertos brasileconto marido comeu meu cuna hora do sexo o que pode ser feito com o halls pretoconsertando o chuveiro da minha vizinha contoscavalonascontoscontoerotico eu,namorada, minha mae e tio jorgegazando juntoxvfilme porno no iotube com mae e filia transando junto gratisxvideos amao toxa .o ,unegao.chama.loirinha.e.finca.a.mao.na.buceta.dela.que.grita.muito.calcinha fedida conto eróticovideos de sexo gay borracheiro mundobichacontos eroticos desejo de uma mulher tomar porra de negros na frente do parceiromiguel tesudocasada traindo e falando ai era isso que eu queria outra pica fudendo minha bucetasexo minha mulher me dando minha sogra de presentecomo amasiar um bum-bum super sexovidei de porno de novinha magrinha tira o cabaço do novinho casarotia de leg balacado as pernas abertas xv.contos eroticos conhado bebado abandona esposaesposa solta no darkroomdançarino de funk transando de frango assado