Bianca, a irmãzinha!! (parte 7)

Um conto erótico de Marcelo
Categoria: Heterossexual
Data: 28/10/2012 03:30:57
Nota 10.00

Bianca, a irmãzinha!!! (parte 7)

Meus queridos leitores, cá estou eu novamente, 5 meses depois do ultimo conto, peço desculpas por tanto tempo sem escrever, tenho trabalhado demais nos últimos meses inclusive aos finais de semana

Vou contar lhes nessa parte o fato mais interessante que aconteceu entre eu e a Bia nesses últimos meses.

Mês de outubro, neste mês decorrente mesmo, peguei uns dias no meu “novo” serviço, Bia pegou uns dias na faculdade na certeza de que uns dias fora não iriam atrapalha la e, aliado ao feriado de 12 de Outubro tudo deu certo, desde tempos atrás, já vínhamos conversando sobre aonde iríamos viajar ao longo deste ano, e a ideia de irmos a Portugal, local onde vivi boa parte da minha vida, era cada vez maior, essa ideia foi ficando cada vez mais forte, até que chegamos em um acordo unanime, inclusive nossos pais também, que foram nessa viagem, pra dar uma apimentada maior em toda historia né...

Embarcamos então rumo a SP no dia 11, chegando em SP, esperamos um tempo considerável ate pegarmos o voo direto, algo notável que aconteceu, alias nem tão notável pois já estou ate acostumado, em relação a quantidade de homens, caras maduros, piás, meia idade, todo tipo de homem, comendo minha irmãzinha com os olhos, aonde ela passa, exala aquele perfume, aquele glamour, aquela gostosura toda que só ela com seu jeitinho meigo, têm. Claro que, desde o meu ultimo conto, em Maio, mantivemos relações sexuais mas com pouca intensidade pois a Bia ta estudando demais e eu trabalhando demais também, nossos horários infelizmente são incompatíveis então mesmo morando na mesma casa, era como se estivéssemos há tempos sem ter relação pois já estava se tornando algo raro mesmo, até pra nos vermos estava dificil, inclusive aos finais de semana, sexo então, era mais que raro. Pra todos terem uma ideia, a gente matava a saudade através de sms, telefone, sempre qndo ela chegava da facu ia la me dar um beijo e dizer que me amava, mas o sexo mesmo que é bom, raridade até então, kkkkk

Voltando ao aeroporto em SP, embarcamos, voo tranquilo, eu sentado ao lado do meu pai e minha mãe com a Bia na frente, sem maiores detalhes a acrescentar, chegando em Portugal, todos já estavam maravilhados, a Bia então, tudo que via tirava foto, todos estávamos muito felizes. Logo na chegada, aluguei um carro, pois seria impossível passar 7 dias ali sem ter um carro a disposição. Fomos para o hotel, já com o carro, como eu morei naquele lugar por tantos anos, conhecia o como a palma da minha mão. Chegamos no hotel, hotel muito bonito e aconchegante por sinal pois meus pais e minha linda merecem tudo de bom nessa vida.

Aluguei um ambiente que era tipo um apto e tinham dois quartos, uma cozinha e banheiro, Bia estava maravilhada com a visão do hotel pro centro da cidade, fui ate a sacada para ver o que ela fazia la e derepente ela vira pra trás e diz TE AMO, e me deu um beijo, que delicia, infelizmente rápido pois não podíamos dar bandeira e na verdade já tínhamos virado mestres em disfarçar, kkkkkkk, mas o beijo com certeza foi um prenuncio em relação ao que viria mais tarde.

Na hora de escolher aonde íamos dormir, mamãe logo foi falando “vou dormir com minha filhinha querida, aqui é clube da luluzinha e os do bolinha vão pro outro quarto”, nooossa, muito animador isso, até sai pra disfarçar, mas hilário foi ver a cara da Bia como se estivesse bufando e dizendo “pqp, e terei que concordar com isso”. Fiquei meio triste confesso, pois sabia que a chance de termos altas noites de sexo seria dormindo no mesmo quarto, mas não foi o caso pelo menos na primeira noite.

Então fomos dormir, havíamos chegado tarde da noite la, fui despedi da minha irmãzinha e naquela altura ela já estava com a cara completamente fechada por ter que dormir com mamãe, logo vendo aquilo perguntei “essa carinha emburrada deve ser por que eu sou o problema né?”, sabem a resposta que tive...”vc é a solução pros meus problemas!!” e meu deu aquele selinho demorado, molhado, que excitante, meu pau já não aguentava mais de tesao e foi o tempo da Bia abrir o zíper do shorts e dar umas chupadas como há algum tempo eu não sentia, aproveitou do momento de distração dos meus pais em outro ambiente do local e o fez e, eu falo pra vocês caros leitores, quanto mais perigoso, mais gostoso é, fica tudo muito excitante. Feito isso Bia falou “dorme aqui comigo, eu preciso e quero você”, mas o que eu podia fazer né? Ia chegar pra minha mãe e dizer que eu quem ia dormi ali com a Bia,?? obvio que não seria louco pois pegaria meio mal, tudo bem que somos irmãos, mas pegaria mal.

Dormimos, a mãe e a Bia no quarto ao lado e eu, meu pai e o ronco do meu pai no outro. Amanheceu, lindo dia, céu azul, calor. Fui o primeiro a levantar, estava muito disposto, já cheguei no quarto da minha mãe e Irma fazendo a maior festa ate que acordaram, entre uma dobrada de lençol e outra e juntando com a distração da minha mãe, eu e minha irmãzinha trocavamos olhares e dizíamos TE AMO, obviamente sem a voz, só pra que o outro entendesse fazendo leitura labial. Eu não aguentava de tesão, há um tempo sem sexo, sem bater umazinha também, ainda mais depois da breve chupada tão gostosa que a Bia fez no dia anterior, eu precisava comer minha irmãzinha novamente, depois do que eu vi então eu fui a loucura mais ainda, seria um martírio aquele dia viu, imaginem vocês o jeito que essa menina veio logo após seu banho matinal, um top curto, deixava um pouquinho de sua barriga linda e perfeita pra fora e o shorts jeans, mais curto que sei la o que, logo olhei pra ela e perguntei “aonde a moça quer chegar usando isso??”, a resposta foi um sorriso safado, de mulher imponente, olhando em direção ao meu pau como se dissesse “quero chegar aí no meio das super pernas e te fazer homem”, nossa a Bia estava muito gostosa, seria um tormento andar com ela ali sem ser notada, em todo caso, descemos para o café da manhã e eu não conseguia parar de olhar pra bunda da Bia, aquilo parecia um imã, me chamando, me conduzindo, o bumbum dela parecia maior do que nunca, mais arrebitado e quem olha pra aquela cinturinha não consegue imaginar aquele tamanho de bumbum.

Chegamos para tomar café, tudo aconteceu nos conformes, eu estava viajando na maionese pensando em como iria ter alguma relação com minha irmãzinha, e ela estava ali na minha frente, tomando seu suco, e eu olhava aquele suco como se quisesse ser o liquido, kkkkkkk, instintivamente e sem perceber ate de boca aberta eu estava já com tanta belezura ali mas logo ela falou “boca fechada não entra mosca”, então voltei a si, me recompus, fiquei meio sem jeito, dei uma risadinha sem graça e ela com uma carinha de dengosa disse baixinho “eu também te quero”, obvio que quando falamos essas coisinhas um ao outro nossos pais ou estao longe ou distraídos.

Tentei esquecer, focar em alguma outra coisa pois o que eu poderia fazer? Agarra la, tranca la no banheiro? Meu pai e mãe estavam ali ao nosso lado sempre. Em todo caso, tomamos nosso café e voltamos para o quarto, arrumar algumas coisas pra irmos passear. Na cidade lá em que ficamos tem ótimas opções de lugares pra passear, decidimos ir a um parque então, fui ate a garagem do hotel onde estava o carro pra ajeitar algumas coisas que íamos levar, no estacionamento logo avistei uma galera, só homens, eram 4. Pareciam estar ali a passeio também, falei bom dia pros caras e fui ate o carro que havia alugado pra mim e a familia, não deu 2 minutos veio a Bia, e pra chegar ate o nosso carro, teve que passar do lado dos caras tambem, e o que foi aquilo viu, pra vocês terem uma ideia, os 4 pararam de conversar pra olhar pra aquela princesa que vinha vindo e então algo hilário aconteceu, um dos caras tomando uma latinha de cerveja ate deixou a latinha cair no chão e então a Bia passou pelos caras sem olhar pro lado, foi como se não tivesse gente ali do lado dela, veio em minha direção e me deu um beijo na boca, como se fossemos dois namorados ali, ela tem muita atitude acima de tudo, me deu um beijo, guardou suas coisas dentro do carro e foi o tempo de eu olhar pros babacas e rir como se dissesse CHUUUUUUPA TROUXAS, TEM DONO!! Kkkkkkkkkkkkk

Ficamos bem uns 10 minutos esperando nossos pais no estacionamento e foi o tempinho que ficamos a sós juntos, e falei que não ia aguentar tanta gostosura e que ela tava usando aquela roupa pra me provocar, a vontade era louca de nos agarrarmos mas não tinha como, a porta do hotel pro estacionamento já avistava eu e a Bia, não tinha como dar bandeira.

La vieram meus pais, então fomos ao parque, é uma mistura de parque aquático com brinquedos também, muito bom la. Eu como sou um cagão pra esses brinquedos fui seduzido pela Bia mais uma vez, eu tinha que marcar em cima, deixa la sozinha é a mesma coisa que dar brecha pra qualquer cara ir la puxar papo com ela, e eu realmente não fico muito legal vendo qualquer cara arrastando asa em cima dela. Então tive que ir na maioria dos brinquedos que ela foi, pra ela tava uma delicia, essa menina ria, gritava, pulava, se divertia, e eu quase vomitando, hahahahaha e também acreditem,mesmo eu marcando em cima se vocês imaginem o tanto de gente que veio falar com a Bia principalmente, comigo também por estarmos juntos ali, mas para todo mundo éramos irmãos, obvio.

Entre um brinquedo e outro quem eu avisto, 3 parceiros dos tempos áureos de vadiagem então pensei “ferrou, la vem esses caras falar comigo e falar besteiras aqui ao lado da Bia”, então vieram, e pra minha surpresa, adivinhem o papo dos caras depois dos cumprimentos??? estavam hipnotizados, os 3 mesmo, queriam saber quem era aquela deusa que estava comigo (nisso a Bia já estava na fila de outro brinquedo la), então falei que era minha irmã e os caras logicamente, “então é o parceiro cunhadão” e daí começaram a rir e tal, falando COM TODO RESPEITO que minha irmã era uma delicia e tal, sei bem o que são esses papos, sou bem vivido já, entendo essas coisas, mas eu teria que aguentar, ali era o Marcelo irmão e não tinha lugar pro Marcelo namorado. É um situação muito inusitada, não queiram passar por isso, uma princesinha linda ali, e você sabendo que ela te quer e no entanto você não pode fazer nada pra demonstrar pra qualquer outro cara que ela é tua, então pra qualquer gavião ali, ela estava com a família feliz dela, era a ninfetinha dos sonhos de qualquer um, mesmo assim, eu tinha que resistir, levar tudo na boa, estar puto da vida mas rir de tudo, mostrar felicidade, e ainda segurar o baita tesão que eu tava.

Tirando essas situações normais pelo biótipo físico da Bia, o dia passou e foi muito divertido, muitas risadas, encontrei um pessoal das antigas, apresentei meus pais, foi muito bom mesmo e, com entardecer logo veio a noite. Calorzão, meu pau pulsando o dia todo de tesão, voltamos pro hotel, esses passeios cansam, aguentar uma garota com 17 anos não é uma tarefa tão fácil assim, kkkkkkkkkk

Bia foi a primeira a ir tomar banho, mas antes disso não pude deixar de fazer o que fiz, ao vê la pegando sua roupa no guarda roupa, cheguei por trás e dei lhe um abraço bem forte, a ponto de que ela jogasse seu corpo um pouco pra frente e ficasse com seu bumbum exposto, logo sentindo meu pau como uma rocha roçando seu bumbum ela sussurou “ainn ta duro”, ela falou, acho que queria me matar mesmo dizendo aquilo, ou eu morria ali de pau duro ou do coração mesmo, então ela se virou, e esquecendo um pouco dos nossos pais no outro quarto, nos beijamos, aquele beijo de tirar o fogo, selvagem, de quem tem sede de sexo, era tudo recíproco....Então la foi ela tomar seu banho, depois que ela saiu veio pro quarto que eu estava e se deitou na cama como se estivesse exausta, mas também, o tanto que pulou, gritou, andou, correu. Fui eu tomar meu banho depois, quando voltei pro quarto, Bia estava ainda ali, mas capotada no sono literalmente, como era lindo ver minha menininha ali dormindo, minha vontade era ir la encher ela de beijo e carinho mas, auto controle eh tudo...deitei na cama ao lado da Bia e no entanto, adormeci mesmo, a ponto de não ter visto mais nada, de repente acordo, tudo escuro, e alguma coisa tão quente, cheirosa respirando em cima de mim, sim meus amigos, ela armou tudo aquilo pra ficarmos sozinho, fingiu que dormia, imaginou que nossos pais não teriam coragem de nos acordar e esperou eles irem pro outro quarto...uma mestra, me surpreendendo a cada dia, pra vocês que acham que uma “garotinha com 17 anos” não tem lá suas ideias de sobrevivência, se enganam, a verdade é que ela enganou ate a mim, que peguei no sono mesmo, então acordei, sentindo aquele cheirinho de hortelã do halito da Bia e nossas bocas já se envolvendo, lá estava eu,meio hipnotizado de novo, será que meus amigos homens entendem essa situação? Qndo você fica hipnotizado por uma mulher que eh uma sensação como se você estivesse consciente mas bêbado ao mesmo, como se deixasse levar em todas as coisas, então foi o que aconteceu, nos beijávamos intensamente e ela já com a mão no meu pau, latejando nas mãos da Bia, segurei seus peitinhos duros e deliciosos que eu tanto desejava chupar de novo, parecia mesmo que eu estava vivendo aquilo pela primeira vez, talvez devido ao tempo que ficamos impossibilitados de estarmos daquele jeito, sozinhos. Com a luz fraca do abajur aceso, podia ver os peitos da Bia que pareciam ainda maiores do que das outras vezes, talvez estivessem mesmo, pois ela ainda é uma adolescente que vai se tornar mulher, então cai de boca naquelas delicias, chupava os como se fosse a ultima vez que fosse fazer aquilo, e ela logo veio, a procura do meu pau, como tanto adora fazer, agarrou mais forte e começou a masturbar, logo sinto sua respiração perto do meu pau, Bia deu lhe um beijo na cabecinha como se estivesse dizendo “que saudades que eu tava”, então mandou um boquete delicioso, como uma veterana, como se tivesse experiência de vários anos fazendo sexo, tamanha era sua vontade de fazer aquilo, e ela fazia com perfeição, me fazia delirar, me fazia ficar com vontade de gozar ali na boquinha dela só com o movimento, ate que ficou irresistível, Bia passava sua língua, mordia, chupava e com a outra mão tocava uma punheta e disse “primeiro eu quero meu leitinho que faz muito tempo, to com saudades”, nossa, acho que nem ouvi aquilo, só me deixei levar pela situação e quando tivesse que gozar, gozaria pra minha menina, foi o que aconteceu logo depois, Bia colocou a cabeça do meu pau bem pertinho da sua boca,com uma mao massageava meu saco e com a outra punhetava velozmente, não deu outra, sua boquinha foi literalmente inundada de porra, gozei tanto na sua boquinha que tinha certeza que ela não iria engolir aquilo como costumava fazer, então me enganei novamente, Bia engoliu tudinho e não satisfeita, ainda deu uma apertadinha no meu pau em busca de mais...sensacional, ela engoliu tudo e fez cara mais satisfeita do mundo em ter feito aquilo, e o trouxa do Marcelo aqui, quem vos escreve, boquiaberto em ver aquilo, kkkkk, então nos beijamos e ela não tirava a mão do meu pau, obviamente ela sabia que era questão de instantes pra já endurecer novamente, sabia que eu não fazia sexo há tempos eu que também estava subindo pelas paredes como ela, ate nisso ela pensou, em me masturbar primeiro, fazer eu gozar mas sabendo que a brincadeirinha tava so começando...

Meu pau já duro novamente, então agora era minha vez de faze la gozar, cai de boca na sua xoxotinha perfeita, mais inchada do que nunca, precisando imediatamente levar pica pra se saciar, mas não fiz isso ainda, iria brincar mais e deixa la com mais tesão, e ela dizendo “me come logo, por favor me come”, não!!! cai foi de boca na bucetinha, sentindo aquele gostinho juvenil maravilhoso, logo Bia estava gozando, sua xoxotinha la estava latejando com aquela espécie de espuma esbranquiçada, então percebi o momento, Bia só dizia “vem me come vem”, então dei uma roçadinha com meu pau na sua entradinha, so pra faze la ficar com mais tesão ainda, nem usar as mãos eu usei, ela estava tão excitada que sua bucetinha foi sugando meu pau pra dentro e em um instante, eu já estava invadindo minha menininha, centímetro a centímetro, sentia sua bucetinha tão apertada que parecia virgem, Ella gemia baixinho com uma mistura de dor e prazer, acho estranho sentir dor já que não era mais virgem, mas talvez novamente, por ter ficado um tempo sem sexo, ficou dakele jeito, desacostumada, mas logo meu pau duríssimo dentro dela, iria reacostuma la. Comi a Bia deliciosamente, brincando com ela, tirando o pau pra fora e estocando com força novamente, bombando horas devagar e horas como um animal, fazendo minha menininha gozar deliciosamente. Não gozei, acho que se tivesse gozado teria acabado a brincadeira, meu alvo era seu cuzinho, que eu também havia tanto desejado durante todo dia e não era impressão, o bumbum da Bia esta ainda maior do que no começo do ano, claro que creio que pra fazer um charme extra, ela não queria dar, alegando que estava muito tempo sem fazer aquilo e que iria doer muito por isso, então fui conversando com ela e ao mesmo tempo preparando o terreno, passando um cuspe mesmo so pra dar uma ajuda e nisso, conversando com ela, coloquei a cabeça do pau na entra do seu cuzinho, ela já se afastou um pouquinho com medo, estranho essa reação pra quem não eh mais virgem no caso, fui conversando com ela, sussurrando dando beijinho na sua nuca, ombros, apertando seus peitos por trás e posicionando meu pau no seu cuzinho de novo, foi questão de segundos mesmo, em acertar o momento, qndo a senti relaxada fui introduzindo, Bia foi gemendo mais alto e se afastando e meu pau entrando, ate que foi, estranhamente sofrido, mas entrou, estava la dentro, o pior já havia passado, então sem pensar muito, já fui começando a comer seu cuzinho, bem devagar, como se tivesse laceando novamente, na verdade a teoria que tenho pra ter sido meio doloroso é somente a que ela ficou um tempo sem praticar, pois não vejo outra explicação...Então estava ali, comendo mais uma vez akele cuzinho que todo mundo desejava como se fosse o ultimo do mundo. Bia me pediu pra gozar na boquinha dela mais uma vez, como gosta de porra essa menina, sente prazer em fazer o que faz, então o fiz pela segunda vez da noite, gozando um pouco em sua boquinha e um pouco em seu rosto, terminado aquilo, ela sorriu com a cara mais safada do mundo dizendo que não queria me trocar nunca por ngm, Bia então foi tomar banho e mesmo com a vontade de enorme de ir junto, tinha que lembrar que estávamos na mesma casa de nossos pais.

Novamente, uma aventura, apesar de estarmos nós 2 no quarto, a porta estava fechada mas não de trinco, já pensaram se por qualquer motivo nosso pai ou mãe entra no quarto?? Tudo isso pra dar mais uma apimentada nessa mistura de sexo , perigo e adrenalina a flor da pele. O restante dos dias fizemos mais sexo quando pudemos, mas se eu contar detalhe por detalhe vai se tornar repetitivo, chato e eu nãosaio daqui hoje também.

É tudo de bom fazer tudo isso, é minha mulher na cama e no entanto é o xodozinho da casa, o amor do papai e mamãe, e do mano também claro. As vezes olho pra ela com olhar de irmão mesmo que quer proteger sua irmãzinha..., querendo ou não, apesar de ser madura pra idade que tem, ela tem só 17 anos, é uma menina ainda que ta se transformando em mulher, será que ela sabe mesmo o que esta fazendo? É tudo de bom mesmo, o sonho de qualquer homem viver isso, mas ter relação com uma irmã, as vezes me sinto um monstro diante dos meus pais, não da Bia pois sei que ela esta adorando tudo e faz por que gosta e quer, mas me sinto um canalha literalmente, perdido muitas vezes, quando paro e penso em futuro e não em momento, me sinto um nada, mas eu a amo, se não fossemos irmãos, eu me casaria com ela amanha, acho que só o tempo pra dizer o que vai acontecer porem tenho em mente que sou o primeiro homem da vida dela, estou curtindo ao Maximo e ela também, ainda acho que logo ela vai desencanar, vai encontrar caras “melhores” e eu precisarei deixa la seguir sua vida, por que irmãos nós nunca deixaremos de ser.

Espero que tenham gostado de mais uma das nossas aventuras, desculpem eventuais erros de português, mas nem da tempo de revisar o que escrevi, assim que acontecerem mais e eu tiver um tempinho, escreverei mais coisas, muito obrigado a todos que acompanham essa minha saga, grande abraço!!

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
09/07/2019 12:16:31
Mas e ai? Vocês ficaram juntos?
02/07/2019 22:54:24
Como terminou? Vocês ainda estão juntos?
21/12/2016 18:21:36
Já estamos quase em 2017 e vc nao postou a continuação, heim Marcelo.
15/05/2014 22:43:28
Esse é sem dúvida um dos melhores contos da CDC. Merece continuação!
18/03/2014 23:28:01
Maís cara escreve ai.
07/01/2013 22:56:56
Parabens marcelo ficou da hora o conto.Ae galera deem uma olhada nos meus contos e avaliem estou tentando melhorar a minha forma de escrever.
29/12/2012 19:22:00
Mas por favor não demore tanto pra postar. A nota eh dez
29/12/2012 19:19:49
Teu modo de escrever eh inteligente e excitante, sem ser vulgar. Você consegue fazer todos os homens desejarem a bianca pela forma como você a descreve e pelas atitudes que ela toma. Ela em sem dúvida o sonho de todo homem: linda, gostosa, inteligente e pensada
06/11/2012 22:25:37
como sempre ótimo, torço por vcs. aguardo o próximo !
06/11/2012 22:24:46
como sempre ótimo, torço por vcs. espero o próximo
31/10/2012 16:42:17
Muito bom!
29/10/2012 00:51:43
Assim como o outro, eu também já li todos e concordo. É uma situação MUITO complicada mesmo, mas torço por vocês. Felicidades...
28/10/2012 09:28:56
Cara, li todos, mas só agora resolvi cometar. SENSACIONAL! MEUS PARABÉNS! Nem um pouco vulgar, mas ainda assim excitante. E estou me referindo a toda a série de contos, não só a esse. Não vejo a hora de ler o próximo. Forte abraço!

Online porn video at mobile phone


Cazada cao tezao pornegao egosando no rabo da madura e deixa o cacete dentro ate sae toda porraOs garotos me comeram contotira esse medo de mim porque eu vir o msrido da minha primq espiando no banheirobbw q curta peidar contos reaiscusao de crioula velhagrete do agrete dando a buceta e so1rtando orgasbucetonas ecusao batendo ciriricaXvideo difutibolContos incesto dei pro meu pai eu era novinha convencicontos eroticos coroa casada bancaria viajo a trabalho e traiu pela primeira vezcontos me hospedei no hotel e rasgaram meu cupai passa pelo quanto da filha e ver ela dormido so de pijama no porno doidoincestossexo com animaisxvidios estorando as prega das cuzudasvideos porno com as bucetas mas aprrtada e q n quento kid bengalaposo enchuga o meu priquitoapaxonado pelo primo brutamontes 3 contos gayconto de como come meu maridovideos de padrasto manda enteado provar cueca boxcomendo a sogra gostosa mttezaosempre gostei de arretar os homens desde novinha contoshomens balancando as bolas pornozoofilia genicologista enfia alargador na buceta da noviaQuerido lavei a conacontos sobrinha da vizinhatia submisa dan a busetaDeixei a miha muher dar o cuzinho pra o cara estrahocontos eroticos com cumdre transando com cumpadrepadrasto e intendenda gostosocontos eróticos minha mãe me fez perder a virgindadecexo arobandiNovas gozdas de travesrisxvideos.com duas amiga comeca se acaricar depois as duas tao com tesao e cair nas xupadas gostosasvizinha dentro.de um chacara de cafe xvideosmamei contosgueixa mijonacoroa gosado pau do manoradi vedeo de sexovidio cazeru mai finha novinhas danu padratuencoxando na piratamorena sendo arombada por rola de40centimetros entra todinhafazendeira metendo com piao pretoporno boquete engolindo 40 ctm de caralhoxividio filho fala mae deixa eu gozar dentro de vchomem da rolona família inteira numa razão mulhercontos erótico menininha. dama de honra contos eroticos:filho,seu pinto ta ficando duropica hxh belem paraencochadas na multidaosondei meu pai no banho contos eróticos gayporno fabiana e pisudoscontos. herotico. dei pra todo mundo por dividacontos eroticos eu minha mulher vimos minha sogra dando o cucâmeras escondidas que estragaram Anitta dando a bucetamédicos levanta vestido das pacientes e começa a acariciar xoxota deixando a calcinha molhadinhawww.casadoscontos.com.br.texto-o doce nas suas veias (Capitulo 6)Conto de zofilia de cachorro gosando dentro de mulheres e inundada a bucetinha de porra ? comendo uma bunďa lisinhacasa dos contos eroticos gays de incesto e dominação sado- pai machão dominador e filho menino passivinhopadrasto safado amostrando a p***** arrepiada com novinhaxvideos incestomenor louca pra dporno gey contos eroticos ferias c priminho novinhoconto sexo menina esconde-escondehomens chupando gkspornor doido homem batendo poleta na varandapezinhos da minha mae contos eroticotia de leg balacado as pernas abertas xv.pornodoido.pai.aretando.filra.darmindoXisvidio arebentando a coroavidio caseiro brasileiro rapais cheio de tesao pega sua cunhada resem casada so de calsinha na cosinha e mete a pikconto eróticopai colocar velho pra chupá buceta da filhabubda arregasada na pausadaHomem comedo novinha e cobra efiando na a cobta na bocetaVeridicoescravasexualMeu irmao tirou minha virgindade da minha buceta no motel conto erotico de incesto de irma virgem e irmao no motelmulher deixa enfiar pirupor baixo vestidoquero ver dois pauzudos de 90cm pegando uma casada e fazendo ela gritar e gemermivimha amostrado a casinhabaxinha dando baixinhopornodoidocontos eróticos gay o belmiro