A sobrinha, a amiga, e a mãe 6

Um conto erótico de valeriobh
Categoria: Grupal
Data: 30/10/2009 19:28:27
Nota 10.00
Assuntos: Grupal

Dando prosseguimento a estória, que teve inicio quando minha sobrinha e sua amiga, me persuadiram a ser seu professor na arte do bom sexo, ocasião em que tirei o cabacinho da Andrea, amiga da sobrinha Eva, passei a também me relacionar com Lívia, mãe de Andrea, após esta pedir auxílio por achar que se encontrava grávida de mim. Lívia, uma mulher de 35 anos, divorciada e carente de sexo, logo passou de uma simples mãe de adolescente a uma putinha safada, carente de sexo. Adorou quando transou com a filha e a amiga, e quando foi tratada como uma puta de quinta categoria num hotel de rodoviária. Disse que me pertencia, e que faria qualquer coisa pra me alegrar. Pedi que arrumasse uma amiga pra transarmos a 3, e ela me perguntou se eu gostava de Dora, minha cunhada, mãe de Lívia. Dora, esposa de meu irmão, mesmo com 38 anos, era bonita e conservava um belo corpo, e após minha aprovação, Lívia a convidou pra uma visita, e após um insinuante papo, as duas se envolveram num caliente beijo seguido de uma envolvente transa. Dora não sabia quem era o homem que iria comê-la, juntamente com Lívia, porque pedi segredo, com receio de que ela desistisse, caso soubesse com antecedência que seria com seu cunhado. Como combinado com Lívia, elas foram pra minha chácara, e já encontraram a sala previamente ajeitada pra tarde de sodomia. Havia colocado travesseiros, puffs, espumante no gelo, chocolate, frutas. Acendi um incenso e deixei tocando uma gostosa música. Elas entraram e ficaram admiradas com a arrumação. Falei que somente chegaria mais tarde, mas na verdade estava escondido. Após beberem a garrafa de espumante, regada a chocolate, o clima entre elas pegou fogo, e Lívia, minha putinha, partiu pra cima da amiga, beijando-a e retirando sua roupa. Ficaram nuazinhas no carpete da sala, e quando estavam num delicioso 69, com Dora por cima, me aproximei silenciosamente, já pelado, e com o pau duro, não tive dificuldades de penetrar na encharcada buceta da minha cunhada. Dora não saiu do lugar, apenas olhou pra trás, pra ver quem estava metendo nela, mas não me reconheceu, porque estava usando uma máscara. Ela deixou a coisa rolar, e fiquei metendo na xota dela, alternando com a boca da Lívia, logo abaixo, terminando por gozar bem no útero da minha cunhada. Ela fez menção de sair, mas segurei ela pela cintura, para que permanecesse na mesma posição, possibilitando que a porra escorresse de dentro da sua xota diretamente pra boca de Lívia. Após encher a boca de porra, Lívia se levantou e deu um beijo na Dora, dividindo com ela meu leite. Dora veio em minha direção e passou a chupar minha pica, deixando-a novamente dura. Ficou de quatro no centro da sala, abaixou a cabeça nas almofadas, abriu as popas da bunda e me pediu pra meter no seu cuzinho, coisa que o trouxa do meu irmão, seu marido, nunca havia feito. Sem nada falar, Lívia passou a chupar o cu da amiga, para facilitar a penetração. Apontei meu pau naquele buraquinho virgem e passei a lentamente enfiar. Minha pica foi sumindo naquele orifício, e quando já havia entrado tudo, passei a bombar com força, chamando ela de vagabunda, safada, e que agora ela seria puta particular do cunhado. Ela olhou pra trás e me viu sem máscara, mas nem se importou, e ainda falou pro cunhado picudo fazer o trabalho que seria do irmão corno. Dava tapas na sua bunda, puxava seu cabelo, enquanto ela chupava a buceta da Lívia, arreganhada logo a sua frente. Gozei novamente e puxei a cabeça da cunhada pra ela chupar e limpar meu pau. Aproveitando a visão do cu arreganhado da amiga, Lívia enfiou a língua no orifício anal e sugou a porra que era despejada em soluções. Após breve descanso, onde conversamos a respeito da transa, Dora disse que sempre me achou um tesão de homem, mas que nunca havia se insinuado pra mim, porque me achava muito sério, e jamais poderia imaginar que eu era safado. Lívia disse que ela ainda não sabia de nada, e ambos rimos. Combinamos que sempre transaríamos os três e que elas seriam minhas putinhas particular. Entrei no banheiro pra tomar banho, e logo depois entrou Lívia, e ela com fogo na xota, disse que queria ser enrabada, porque eu não havia metido nela. Ensaboei seu cuzinho, e fiz apoiar debaixo do chuveiro quente, e lentamente penetrei na sua bundinha, bombando lentamente, enquanto brincava com o dedo no seu clitóris. Após terminarmos o banho, estranhamos o silêncio na casa, e ao retornarmos a sala, vimos Dora vendo um dvd que havia gravado a transa entre eu, Lívia, Andrea e a filha dela, a Eva. Nem Lívia sabia da gravação e ficou olhando a sua performance e das meninas. O que mais me chamou a atenção, foi o fato que Dora assistia o filme tocando uma siririca com cara de extremo tesão, culminando por gemer ao gozar. Ela olhou pra trás e nos viu. Perguntou o que era aquilo, e tratei de explicar tudo, desde o inicio. Ela então disse que agora entendia o repentino apego da filha comigo. Ela perguntou pra Lívia o que sentiu ao transar com a filha, e Lívia disse que foi simplesmente maravilhoso, e que ela deveria experimentar transar com Eva. Aliás, propôs transar as quatro juntas, porque todas eram putinha do mesmo macho. Ela aceitou e me pediu para preparar a transa familiar. Valeriobh


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive valeriobh a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
03/11/2009 05:14:48
de + meu és um sortudo de uma putinha passas a ter 4 imagina depois elas em suas casas cada uma com sua mãe hummm to ansioso por ler o próximo conto manda novidades
31/10/2009 12:34:32
Gostei da bagunça toda

Online porn video at mobile phone


princesa baianopornocontos eróticos encoxando a crenteGoroto da bunda grande o amigo goso dentrocontos eroticos encoxadaPorn conntos erotico pastor fode a esposa do obreirooconto erotico funk peladacontos eroticos o costureiroconto esposa faz ménage a força com roludopai roludo filiha rabuda teatro pornomuitei em cima da minha espoza na cama vidio pornoporno pagando dívida com a mulher e a mae5 contowww.meu tio mepego na casa de praia sozinha comto erotico.comDecissivo rola na buceta mostrandoasseste video de jovemde dezoito ano fumando cigarro e tranzando no pornotitia gostosa peituda bate punheta enquanto o sobrinho novo lhe aperta as mamas peitudas Www.vedio.porno.casais revisão de Santa CatarinamIporno doido deu cu pro treinador de basquetemae cpontos erotixosmulheres da bunda grande vestidinho curto calcinha enfiado no rabo da b***** cabeluda que fode com doiscomi a mulher do meu cunhado contos Gorda e estrup a dápor marido XVídeosconto e roticos comadre de vestidoIsac -Hugo |Contos Eroticos zdorovsreda.rucontos de coroas iperdotados comendo comadres e afilhadascontos eroticos xvideos clausuracomendo a buceta da cabra eda ovelha novinha xhanstercontos eroticos/pisei no rosto delexvides filio fio mamaepeladaconto marido adora ver esposa danso para outroDominamdo uma evamgelica casada parte 2 contos eroticosspornor.homem.gazando.nadunda.no.onibusconto erotico velha casada banca negao pirocudoComtos eroticos de biatas com padrescontos de sexo as novinhas e os padrinhos picudos com jumentoscontos terminei casamento para continuar comendo a sogra you tube video de cachorro gigante com cadelatransando e mostrando ele engatadoContos de incesto mãe e filhoshortinhos de jogadoras lycra lycra gigante gostosowww gostosas do zaptkconto erotico huntergirls71mae deixando filho olhar por baixo da saia dela vendo calcinha sokadasexotc.comrapaz pula fora quando senti que o negao ia empurrar tudox video garotas flazinhascontos eroticos traindo o corno cdp ele assistindoxxvideo mulhe tirando ochorte pra trasaporno brasileiro negão caralhudo fudendo loira cinquentona inteironamulher fudeno com outro e marido esprando na/salacontos virgem amassosContos meu pai me comeu com o consentimento da minha maeDorinha jogando morena quicando vai paraXvideo mulher pagando boquèti violentoporno sarando na coroa na frente do corno no onibostravesti trancou a buceta mulher do corno com seu pinto enormexmaster encoxando com gosoContos erotico cdzinha cinemaContos gay estupro coletivoContos eroticos de podolatria com fotos de primas pedindo massagem nos pezinhos bonitosgarotinhas bem novinhas descubrino otezaocontos de cú de solteironaconto mendingo goza no meu cuzaiNossa essa rotina já tá com tesão quero ver sarrar na Copaxxvideosogra.cmcontos eroticos de como aprendi dar o cuvidei porno de nivinha cendi estrupada por negraoconto erotic incest filhinha da fazendMulhe morena mostrando busetonha gostosa e um poquinho de cabelocontos eróticos de LED que gostam de consoloconto erotico bandido queria a bunda da minha esposaMeu cão ralf me comeu contomarrento abusa do viado gay videoDalvinhapornoasustou quando viu um pau grissoo gayvídeo normal que pode mostrar para qualquer uma duas amigas uma foi convidada para dormir na casa da outra amiga na cama e quando Acordamos começa a fazer sexopolicial fudendo com mulher que levava drogas na bucetaa dona vai ser com seu cachorrosextarado nuonibucomo fuder cadela historias zoofillauma triscadinha na buceta e gozorver video de porno mae e filhabem novinha pulando no pau bem grossoconto gay novinho de tramandai.rsvilma fudioa xnxx. comvídeo do acidente de Goku comendo cabeludose esfragando na rabuda até comer elapediu para fazer anal ,e cacou no paunao aguentouwww.xvideocasada/proibidoxisvido tia sobria dorminonovinha engole pau do paulaoPaus grandes no cu da vadiazinhah