Curtido um relacionameto com outro para realiza a vontade de meu marido o corno

Um conto erótico de Kazalbh
Categoria: Heterossexual
Data: 13/02/2009 04:33:42
Nota 8.60
Assuntos: Heterossexual, Menage

Meu marido me introduzi-o no mundo da fantasia sexual,.

Passamos a fazer sexo sempre criando personagem .

que ele sempre criava com muita criatividade

Bom ele sabia me deixar louca.

No começo eu era tímida, curtia tudo , mais sempre ficava

na minha, deixado ele cria seus personagem.

Aos pouco fui me entre-quando , ele adorava se passar-se por outro

na cama e pedia para chamar por outro nome.

Eu gozava de imaginar tais coisa, era sempre só nos dois na cama

Mais foi a profundado a brincadeira, trazia roupas curta para eu vesti .

shortinhos que deixava amosta a poupa da bunda , vestidos acima do

joelho e míni-saia .

Passou exibir meu corpo para outros homens.

Tenho um corpo lindo na verdade e deixava muitos marmanjo de boca

aberta.

Assim fingido inocente ele me apresentava ao amigo , que passou

a levar em casa.

Bom o que ele queria era ser um corno de verdade, me dizia que queria

ver a qualquer custo eu transando com outro.

Mais eu apesar de concorda , não achava simples assim por uma infinidade de coisas, eu nunca havia ficado com outro antes ou depois do meu casamento , mesmo com muito tesão resiste muitas cantadas eu não gostaria

que fosse assim eu teria que escolher . .

Mais ele sempre buscado meios para insistir na idéia, e criava diversa pretexto para me deixa a só com outros homens , mais eu escapulia das cantadas.

Até conhecer alguem , estávamos em uma viajado de ferias , em uma cidade do litoral,conhecemos , Carlos nome fictício, com a idade de 45 anos, meu marido tem 29 anos e eu 26anos.

Estávamos hospedado no apartamento de aluguel, de Carlos. Corpo musculoso ele ficava sempre sem camisa e muito sorridente bem simpático, corteis.

Nos ajudava em tudo e sempre nos leva em seu carro para conhecer diversas paia .

Eu estava vidrada nele meu marido percebeu e deixo o caminho live para que eu e ele pudemos ficar juntos , pois ele ja me comia com os olhos, discretamente.

Numa destas ida e vinda da paia combinamos sair na noite para conhecer um boate.

E chegou a noite meu marido simulou uma dor de cabeça para não ir, mais insistiu para que ele me leva-se, disse que não haveria problema.

Meu marido escolheu a roupa para me verti , um vestidinho que havia comprado .muito bonito mais bem curto e decotado uma minuscula calcinha e um sapato de salto alto .

Então fomos , bem cheirosa e tremula saímos, logo chegamos no local, onde rapidamente ele pedi-o uma bebida estávamos tímidos, mais depois de alguns goles ficamos mas a vontade.

Levamos algum tempo em um bati papo , ele se aproximou se de me ficamos coladinhos assentados mais logo me convidou para dançar.

Então fomos para a pista onde ficamos de frente bem colados ele me apertava em seu braços , e eu sentia o volume na sua calça bem alto e duro , de repente sente sua linguá chupado meu pescoço não resisti me entequei em um beijo ardente em sua boca , e ao poucos senti sua as mão tocado minha

nádegas e apertado figuei inove e gozei a li mesmo.

Então ele sentido a situação seguro minha mão sem disser nada fomos caminhado para a mesa onde pedi-o a conta e saímos.

Entramos no carro e encontro dirigia pousava sua mão sobre minha cocha levantado meu vestido .

Ate depara se com um motel , e ao entra no quarto ele me beijo começando a me chupa parte a parte o meu pescoço onde e quando ja estava próximo da cama me desmontei e ele com maestria tirou meu vestido , e pois a me chupa todo meu corpo cm por cm em meu seios duros ele se delicio massageando os bico vagarosamente chupado com grande experiencia um a um me deixado louca

aos pouco foi beijado a bariga até minha xana que estava depilada bem lisinha ele chupou todo o liquido que sai do gozo dela eu goza incessantemente não conseguia para de goza pós ele chupava hora a xana hora o cuzinho

estava ficado louca quando ele parou, me beijo na boca e logo se levanto

me oferecendo a quela rola imensa para chupar que rapidamente engoli fazendo um delicioso

boquete passado a língua na cabeça da rola e chupado suas bolas ele quase gozou , tirando da minha boca me colocou de quatro

e empurro teve dificuldade para penetração pois e maio que a do meu marido

mais estava bem lubrificada e pude sentir arrombado as parede da minha vagina, e fico em um vai e vem a te eu goza logo apoios sente em cima dele que adentou rapidamente e num movimentos rápidos subido e descendo num ritmo alucina-te senti ele goza na camisinha. então encostamos na cama e descansamos um pouco.

Mais logo fomos toma um banho e no chuveiro recomeçamos , ele poi a me fazer um boquete e logo elevei minha perna sustentando o pé em cima do vaso e ele fez a penetração , metia com força a veze me dava algum tapinhas na bunda

gozei loucamente, ele me pegou no colo e em pé continuo penetra até sentir que iria goza, rapidamente tirou a camisinha e fez eu chupa explodido em boca uma leito doce que ainda não havia experimentado voltamos para cama continuamos e ele logo penetrou, estava de quatro ele quis fazer anal mais ainda não havia feito tentamos depois de muito esfosso e lubrificação pentou

por inteiro e com algumas estocada rápidas não resisti pedi para tira mais ele não tirou então senti encha no meu cu gozei pois ele tambem estava gozando, mais já com pouca intensidade sentindo um dor anos fomos dormir.

Quando amanheceu ele me acordou assutado disse do que já era dia , e como iriamos chega em casa o que fala para o meu o marido , que deveria esta preocupado .

Vendo a preocupação dele revelar a verdade, disse que meu marido sempre quis ser corno pois hoje eu estava realizado a sua vontade , que nunca havia traido o ,com outro anti da quela noite e que gostaria de repetir, então ele me beijo.

Pedimos o café ficamos juntos ate o fim do dia na quele motel onde retornamos só a noite para o apartamento onde meu marido nos servi-o a jantar.

e na queles 15 dia que passamos la virei mulher de Carlos em tempo integral só pra ele ,meu marido ficou no Quarto ao lado podendo escutar todas a nossa transa . mais aveze nos saiamos para alguma paia deserta onde eu Carlos transávamos ou na areia e água mar e meu marido olhava se vinha alguma pessoas.

Retornamos para nossa cidade , mais me tornei amante de Carlos onde avezes falamos pelo tele fone e já estamos com data para retorno aquela cidadebeijos


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive MINEIROQUENTE a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.
19/05/2009 18:39:29
Ótimo conto, mas faltou passar um corretor de texto: Em homenagem, corrigi o texto, alternado apenas para dar concordância às frases, pois o conto vale a pena: CURTINDO UM RELACIONAMENTO COM OUTRO PARA REALIZAR A VONTADE DE MEU MARIDO, O CORNO Autor: Kazalbh Categoria: Heterossexual Data: :33 Meu marido me introduzi-o no mundo da fantasia sexual. Passamos a fazer sexo sempre criando personagem. que ele sempre criava com muita criatividade Bom ele sabia me deixar louca. No começo eu era tímida, curtia tudo, mais sempre ficava na minha, deixado ele cria seus personagem. Aos pouco fui me entregando, ele adorava se passar-se por outro na cama e pedia para chamar por outro nome. Eu gozava só de imaginar tais coisa, era sempre só nos dois na cama. Ma fomos aprofundado a brincadeira, meu marido trazia roupas curta para eu vestir, shortinhos que deixavam a mostra a poupa da bunda, vestidos acima do joelho e míni-saia. Ele passou a exibir meu corpo para outros homens. Tenho um corpo lindo na verdade e deixava muitos marmanjo de boca aberta. Assim fingido inocente ele me apresentava aos amigos, que passou a levar em casa. Bom o que ele queria era ser um corno de verdade, me dizia que queria ver a qualquer custo eu transando com outro. Mas eu, apesar de concordar, não achava simples assim por uma infinidade de coisas. Eu nunca havia ficado com outro antes ou depois do meu casamento. Mesmo com muito tesão resisti a muitas cantadas, eu não gostaria que fosse assim, com qualquer um, eu teria que escolher. Mas ele sempre buscava meios para insistir na idéia, criava diversos pretextos para me deixar a sós com outros homens, mas eu escapulia das cantadas. Assim foi até conhecer alguém. Estávamos em uma viajem de ferias, em uma cidade do litoral, onde conhecemos Carlos, nome fictício, com a idade de 45 anos. Meu marido tem 29 anos e eu 26 anos. Estávamos hospedado no apartamento de aluguel de Carlos. Corpo musculoso ele ficava sempre sem camisa. Era muito sorridente, bem simpático e cortês. Nos ajudava em tudo e sempre nos levava em seu carro para conhecer diversas praias. Eu estava vidrada nele, meu marido percebeu e deixou o caminho livre para que eu e ele pudemos ficar juntos, pois ele já me comia com os olhos, discretamente. Numa destas idas e vindas da paia combinamos sair na noite para conhecer um boate. E chegou a noite meu marido simulou uma dor de cabeça para não ir, mas insistiu para que ele me levasse, disse que não haveria problema. Meu marido escolheu a roupa para me vertir, um vestidinho que havia comprado. muito bonito, mas bem curto e decotado, uma minúscula calcinha e um sapato de salto alto. Então fomos, bem cheirosa e trêmula saímos, logo chegamos no local onde rapidamente ele pediu uma bebida. Estávamos tímidos, mas depois de alguns goles ficamos mais a vontade. Levamos algum tempo em um batepapo, ele se aproximou-se de mim e ficamos coladinhos sentados. Mas logo ele me convidou para dançar. Então fomos para a pista onde ficamos de frente, bem colados, ele me apertava em seu braços e eu sentia o volume na sua calça bem alto e duro. De repente senti sua língua chupando meu pescoço. Não resisti e me entreguei em um beijo ardente em sua boca. Ao poucos senti suas mão tocando minhas nádegas e apertando-a. Fiquei imóvel e gozei ali mesmo. Então ele, sentido a situação, segurou minha mão e sem disser nada fomos caminhado para a mesa onde pediu a conta e saímos. Entramos no carro e enquanto dirigia, ele pousava sua mão sobre minha coxa levantado meu vestido. Ate deparar-se com um motel. Ao entrar no quarto ele me beijou começando a me chupar parte a parte o meu pescoço. Quando ja estávamos próximo da cama me desmontei e ele com maestria tirou meu vestido, e pôs-se a chupar todo meu corpo, cm por cm, em meus seios duros. Ele se deliciou massageando os bicos vagarosamente, chupando com grande experiência, um a um, me deixando louca. Aos pouco foi beijando a barriga até minha xana que estava depilada bem lisinha. Ele chupou todo o liquido que saia do gozo dela. Eu gozava incessantemente, não conseguia parar de gozar pois ele chupava, ora a xana, ora o cuzinho. Estava ficando louca quando ele parou, me beijou na boca e logo se levantou me oferecendo aquela rola imensa para chupar, que rapidamente engoli fazendo um delicioso boquete, passado a língua na cabeça da rola e chupado suas bolas. Ele quase gozou. Tirando da minha boca ele me colocou de quatro e empurrou. Teve dificuldade para a penetração pois é maior que a do meu marido, mas estava bem lubrificada e pude senti-lo arrombando as parede da minha vagina. Ele ficou nesse vai e vem até eu gozar. Logo após sentei em cima dele que adentrou rapidamente e com movimentos rápidos, fui subindo e descendo num ritmo alucinante. Senti ele gozar na camisinha. Então encostamos na cama e descansamos um pouco. Mas logo fomos tomar um banho e no chuveiro recomeçamos. Ele pôs a me fazer um boquete e logo elevei minha perna sustentando o pé em cima do vaso e ele fez a penetração. Metia com força, as vezes me dava algum tapinhas na bunda. Gozei loucamente, ele me pegou no colo e em pé continuou a penetrar-me até sentir que iria gozar. Rapidamente ele tirou a camisinha e fez eu chupar, explodindo em minha boca uma leite doce que ainda não havia experimentado. Voltamos para cama, continuamos e ele logo me penetrou. Estava de quatro e ele quis fazer anal mas eu ainda não havia feito com ninguém. Tentamos depois e de muito esforço e lubrificação ele me penetrou por inteiro e com algumas estocada rápidas me fez gemer de dor. Não resisti e pedi para tirar, mas ele não tirou, então senti encher o meu cu. Gozei pois ele também estava gozando, mas já com pouca intensidade. Sentindo dor em meu ânus, fomos dormir. Quando amanheceu ele me acordou assustado, disse do que já era dia, e como iríamos chegar em casa, o que iríamos falar para o meu o marido que deveria estar preocupado. Vendo a preocupação dele revelei a verdade e disse que meu marido sempre quis ser corno, pois hoje eu estava realizando a sua vontade. Disse que nunca havia traído com outro antes daquela noite, mas disse também que gostaria de repetir. Então ele me beijou, pedimos o café e ficamos juntos ate o fim do dia naquele motel, de onde retornamos só a noite para o apartamento onde meu marido nos serviu o jantar. E naqueles 15 dia que passamos lá virei mulher de Carlos em tempo integral, só dava pra ele, meu marido ficou no quarto ao lado podendo escutar todas a nossa transa. Mas as vezes nós saíamos para alguma paia deserta onde eu e Carlos transávamos, ou na areia ou na água do mar, enquanto meu marido olhava se vinha alguma pessoas. Retornamos para nossa cidade, mas me tornei amante de Carlos e as vezes nos falamos pelo telefone e já estamos com data para retornar àquela cidade. Um beijo
18/04/2009 17:00:11
Adorei seu conto, não vejo a hora de minha esposa topar fazer isso pra mim tambem. Nota 9
16/03/2009 18:35:17
Adorei seu conto, fiquei cheio de tesão, espero que seja real. Da proxima vez capiche mais no português, tá legal? Bjos, Anri.
16/03/2009 18:31:55
Adorei o conto, muito bom, fiquei louco de tesão.Quanto ao português, sem comentários.
09/03/2009 18:46:01
Minha colega de dar corno,eu tambem trepo com caras ,para sastifazer meu marido e gosto de ser currada,esfolada,o corno sempre me leva a cinemas pornor e os caras me fodem para valer experimente leva seu marido. nota 8
27/02/2009 22:45:12
gostei alimenta nossas fantasias
26/02/2009 21:53:18
Vocabulario de merda. Nota 0
15/02/2009 16:19:28
Excellente aventura e bom o conto!
13/02/2009 13:41:26
Muito excitante, mas faltou vc corrigi-lo no word antes de colocar.Nota 8.
13/02/2009 07:25:35
dez gostei bastante me add
13/02/2009 07:00:14
Muito excitante este conto do "seu creisson". Nota 9

Online porn video at mobile phone


marcelo strause aguilarxividio. vai maxuca meu cue'ncoxada no metroflagra convecendo a enpregada fazer sexoouvir contos eróticos Aminacontos eroticos casada estuprada pelo empregadowww.xvideos.com sexo com bravezaconto erótico meu pai abuso de mim quando eu tinha cincoanosmulher caga incontrolavelmente no sexoxvideos home coroa negroBaixinhoConto erotico gay traficante funkxvideos garotão bombado infiando dedo no cuzinhoQuero da minha buceta para o Adilsoncontos eróticos chorei mais aguentei a rola enorme do velho Beneditoconto anal crente bundudafudeu ate o cudela tento fujir nad bebadanariz estourando a tanga vídeostravesti branquinha e e s branquinha e rosada tranzando na xçcamamulher de corno evando gosada no cu pornodoidoCONTO EROTICO FILHO CARALHUDO ARROMBA MAE TODA NÕITEfudeno minha quanhada gostoza de beibidor nu sofarcontos eroticos certinha à putaque kikada cunhadinha pornocontos minha mulher aceito levar um doutado de26cm para nossa camaAE cristal de futibol Amador de CristalinaBUCETINHA QUENTINHA, protegendo com sua BUNDA MARAVILHOSAver vidio padrasto da pica muito loga comendo a itiada virger vai terque da pontoContos eróticos procurando aventura no clube de campoVideo de porno com puta de 19 Anos video de 01h00contos eróticos gay meu irmão e o seu buracoxvideos comendo o cadaver no cemitériocontos eiroticos leilapornmae vai massagea o filho fica de boca aberta con o cacete do filhoPornô doído melhor femendo ia falando o meu deus o meu deus em inglêsso contoseroticos completos no sofa do padrinho maria alice deu ate o cuzinhoContos eroticos bofinho machinhopornô mãe dando o cuzão dando para o filho de regaço combinação pelo cão carinhocontos tathy ellengozando e arfando de prazer no cu xvideosmulheres mortas com a bucta scheia de porravixxi encoxadasaquele vidio acadelinha falano da sograConto erotico peituda amamentandoconto erotico madame submissaporno ela parecia ser tranquilamamete muitpiricudo de floripaxvideo gay andarinhos pastouvideo caseiro casal liberal de nilopolis rj fudendo xxvideocontos eróticos brincando de dar bundada no irmãopadrasto cavalocontos gays de incestos.com- pai machão dominad come filhomenino passivinho gayfiltrados xvideos cao fode minha irma a forcacontos eroticos de jovem transando menstruadas com o professorcumendo cu da assistente social do capsporno de vrdadwxvideos-viadinho gostoso peniz gigantao.comcunhada ajuelha na frente do cunhado e engole rolaconto erotico huntergirls71sobrinho fica triste com a tia so lembrando do namorado que morreu xvideosContos eroticos com fotos de podolatria tentando mexer nos pes da primaamulher querendo fazer zoofilia no Rio de Janeirogozanu nu cu da feirenseME.ININHAS SAPECAS XNXXvisando dentro da bucetasrelato erotico mae dormmdocontos namorada com amigo no churascoVideo porno safada sendo fudida homem rolaque so jeguechupei as rolas dos moleques da minha rua; contos eróticosVer foto de homem enfiando a mao dentro drento da vagina da mulhercontos eiroticos leilapornROLA CABEÇA DE COGUMELOCOM NOVINHA XVIDEOele deu o c* do amigo ele gozou dentro com a rôla duraxvidiobuceta de carla visgando xvideoshttp//eternahelga.blogspot.com.brver videode mulher. gozando nno pinto bem grossomuher desmai trazandoninfetinha de saia comprida provoca dog zoofiliasobrinho. segura. a. escada. pra. tia. gostosa. subir. de. saiamullheres fodem tarado apulso como vinganca