Viciada em Sexo

Um conto erótico de Marco
Categoria: Heterossexual
Data: 19/12/2005 13:33:50
Nota -
Assuntos: Heterossexual

Depois de cinco anos de casamento e outros quatro de relacionamento, algo deu errado e me separei da minha mulher.

Confesso que me arrependi por muitas vezes, pois sempre tivemos uma relação legal, poucas brigas, sempre bem resolvidas, e nosso relacionamento na cama sempre foi ótimo. Só que um dia, só por uma resposta atravessada, e ninguèm querendo dar o braço a torcer, a coisa foi degradando até culminar na separação.

Saí de casa e fiquei completamente perdido. Tudo que eu imaginei que fosse fazer numa situação dessas me parecia sem graça. Nada de baladas, nada de pegar as secretárias que me davam bola, e nada de putaria.

Foram dois meses de apatia e depressão. Não sabia dizer se eram saudades ou comodismo, mas eu tava sentindo falta daquela vidinha. Mas resolvi que não ia dar o braço a torcer de jeito nenhum.

Dia desses eu estava dirigindo meu carro na Av. Goiás em São Caetano. Ia para Santo André. Do meu lado emparelhou uma mulher num Escort e começou a me olhar. Fomos nos seguindo e nos olhando até que ela parou quando estava um pouco à minha frente, já na Av. Dom Pedro em Santo André. Vacilei um pouco, mas parei.

Ela saiu do carro, eu saí também e ela me perguntou: “tudo bem? Você me acha atraente?”

Fiquei meio sem jeito e disse que ela era muito atraente. Na verdade ela é uma mulher de pele branca, cabelos pretos e olhos castanhos, uns 32, 33 anos (eu tenho 39), com cerca de 1,65 de altura e uns 55 kgs. Um rosto nota 7 e um corpo nota 8. Isso prá mim é de verdade muito atraente.

Ela sorriu e me disse que queria fazer sexo comigo, mas que tinha que ser naquele momento, que tínhamos que ir prá um motel, o que eu escolhesse, e que se eu não topasse ela ia procurar outro cara para transar.

Pensei na reunião que eu tinha, mas topei. No caminho inventei que meu carro tinha quebrado e remarquei pro dia seguinte. Fui seguindo-a com um certo receio dela ser ladra, ou golpista, mas tava emocionante a situação e eu sentia um nó na garganta. Quando ela chegou numa travessa da Anchieta que tinha uns quatro motéis, eu emparelhei com ela e disse que queria ir em um em particular. Ela disse: “sem problema”.

Quando entramos no quarto ela ficou pelada em 10 segundos. Avançou em mim, me empurrou na cama e, abrindo só o zíper da minha calça começou a me chupar. Chupava com vontade, com certa angústia. Parecia uma pessoa que estava há anos segurando o tesão. Enfiei um, depois dois e enfim três dedos na buceta dela e acariciei com bastante jeito seu clitóris. Ela ficava cada vez mais agitada e sôfrega.

De repente começou a gritar comigo: “vai seu cavalo, me chupa”. Obedeci prontamente e dei um trato de responsa naquela buceta cheirosa, que ia soltando cada vez mais baba. Ela se contorcia, gemia e me unhava. Gozou feito louca.

Depois, me pediu, quer dizer, me mandou comê-la em pé, por trás. Adoro essa posição e, como ela urrava e se mexia feito louca, não demorei a gozar, enchendo a camisinha de leite grosso.

A mulher tava alucinada e imediatamente após eu tirar ela mesma sacou a camisinha e começou a me chupar outra vez. E como ela chupava bem. Ela colocava tudo, tirava, alternava chupadas fortes e lambidas carinhosas, ao mesmo tempo que, sem enfiar o dedo em mim, ela fazia uma pressão entre o meu saco e o meu cú que não teve jeito: 5 minutos depois meu pau já tava latejando de tão duro.

A mulher começou a dar ordens outra vez: agora você vai me rasgar. Pegando um lubrificante do motel, passou-o no meu pau e na caverninha dela. Me puxou pelo cabelo com uma das mãos e com a outra guiou meu cacete até seu ânus. Meu pau tem um comprimento normal, mas é grosso, e foi difícil entrar, mas ela não queria saber. Se contorcia, urrava, ora puxando meu cabelo, ora me unhando. Forçava a bunda para trás para forçar a entrada, e quando finalmente passou a cabeça, num só movimento ela fez meu pau enterrar na sua bunda. Eu que antes acariciava seu grelo, passei a friccioná-lo com alguma força e pressão. Ela adorava. Posso estar enganado, mas acho que ela gozou duas vezes com meu pau no cú.

Depois de uns 20 minutos bombando naquele buraco que já nem tava mais tão apertado, gozei.. Esporrei de novo feito louco. Ela então tirou minha camisinha e limpou meu pau direitinho com uma habilidade bucal rara.

Fomos pro chuveiro e a sacanagem comçou outra vez. Ela tinha um toque desconcertante, que provocaria arrepios até num viadinho, e uma meia hora depois, eu tava pronto prá brigar outra vez.

Acontece que ela, ao que parece não podia ver um pau duro na frente que virava bicho. Novamente me empurrou na cama, e eu falei: “você quer que eu te bata?” Ela disse que não gostava de apanhar, mas de comandar. Ok, ela me mandou pegá-la no frando assado e eu obedeci de bom grado. Depois alternamos com papai-mamãe, para depois gozarmos exaustos de ladinho.

Mais um banho e ela me disse que era viciada em sexo. Estava num grupo de auto-ajuda há 6 meses, e vinha conseguindo ficar abstinente há 3 semanas. Mas naquele dia não estava aguentando. Ela tinha que dar.

Quis pegar seu telefone, mas ela não me deu. Nem sequer sei seu nome. E o pior, foi ela dizer no fim que eu tinha sido ótimo, mas que antes de dormir ela ia ter que dar outra vez, mas para outro estranho que ela encontrasse.

[email protected]


Este conto recebeu 0 estrelas.
Incentive a escrever mais dando dando estrelas.
Cadastre-se gratuitamente ou faça login para prestigiar e incentivar o autor dando estrelas.

Entre em contato direto com o autor. Escreva uma mensagem privada!
Falar diretamente com o autor

Comentários

Comente!

  • Desejo receber um e-mail quando um novo comentario for feito neste conto.

Online porn video at mobile phone


como fazer um sexo anal sem dor e sem sujar e a posição idealQuero ler contos erotico o menino do morovidio porno homen emtera o pou todo na garganta da muher ate gozarcontos eroticos você gosta de cu entao descabaça logo incestotrabuco contos gaycontos de casadinhas sapecas malhadastio da achupeta sobrinho rolarcontos eroticos no dia que dei minha buceta pra dois senhores no onibus,dupla penetracaoTaquei no cuzinho da irmã negrawwwnovinhas.tvaxxxvido corno aguda oho nucucontos com fotos encoxada no ônibustextos. contos menunas estrupadas dulpa penetracao gozadas boquinhax pono de bundas arotando galagrtandoo casadas escandalosasvelho bebado esfregando a cabeça do pinto na bucetaconto erotico velha casada banca negao pirocudobumbum gg virgem anal com dotado tentou correr mas conseguiunovinnha.xmnxso.gays.ei.gangbang.com.picao.gigantesVai cobrar divida nao acha o corno so a mulher rabuda de camizolacontos eróticos de entregador de agua como dona de casaxvideos brasileiras q nao aguentaram no cu e tenta fugir mas o parceiro nao deixarcache:DQJrVIKjMRQJ:zdorovsreda.ru/texto/200912302 porne com malheimeu cachorro me fode todo diaContos eróticos- bem novinha é desvirginada e grita de dorxvideos incesto tia provoca garoto de. roupa transparente simplesmente nua por baixoNa china rapta crinhaça para foder com elas pornvídeo de sexo pornô garganta hipertrofiada engolindo monstro hiper dotadovídeo de novinha dançando sem calcinha e o Paysandu filmevidiopornodemulhe dabucetaenchadacontos mulheres casadas camareiro de hotelporno gey contos eroticos priminho inosentefazendo sexo com gravidas enquanto elas dormian pornodoidocontos eroticos de fio terra de homem e homem heterocontos eróticos gay o belmiropornô mãe usina puheta mãoconto porno amor em londrescontos de sexo depilando a sograver homem chamadobucetacontos eroticos strip poker com minha namorada e cunhadavidio porno kuasi q a novinha nao aguentahistórias reais de pedreiros que fuderan as mulheres do patrãogosano na buceta griloda da novinhao filho da minha patroa ele foi metendo seu pau na minha buceta virgem que sangro ele começou a fuder minha buceta eu gozei ele fundendo minha buceta ele gozo dentro da minha buceta ele começou a fuder meu cu virgem ele gozo dentro do meu cu quando eu sair do seu quarto minha patroa me frago eu saido do quarto dele minha patroa disse pra mim que eu ia ficar grávida do seu filho conto eróticocasa dos contos gay Romance paiForcei minha mae e ficar nua conto incestocontos a bundinha da babámae gostosa malanhao a buceta deixando filho de pau durocontos eroticos d maridos q levam homen pirocudo pra comer sua mulher em ksaxvporno de faxineira dando o rabo de vestidomae ensinando sacanadas ao filho e e a namoradaconto erotico encoxadavídeo pornô uma atividade Bonde da três sobrinhos até f****Contos de meninas ki deu abuceta pra uns velhos tarado pau enormescomendo debrinha com abuceta defora e gozei dentrocontos de sexo raspei minha bucetaContos eroticos a neta da vizinhaconto erotico de carol cavalaxxvideosogra.cmvídeo sexomoleque aquicoroa chora pos uma foda cm garotao xxvideos menormulher fudendo escanxada ensima da rola do maridomorena de jortihovídeo de fodas cumendo a sobriga gostosacontos eróticos gay meu irmão e o seu buracoA ara a perereca da.comvizinhacontos porno casadas no estadio de futebolx videos.com mulher incorporada com pomba gira transandocasa dos co.tos eroticos de casadas .o cabeleleiroxvideos.com12aninhoscontos eróticos meninas de 25 anos transando com cachorro com calcinha preta com lacinhos vermelhoeu fui encoxada pelo meu sobrinho tarqdoContos eroticos elacareca peladacachorro mete na buceta e sai puxando a dona vídeoWeslleywest internatoxvideo gorda cheio de calombo acontospono aprimiravezkomem tocab puetacontos de incesto mãe ensinando filha a da bucetinha na infânciacontos eroticos corno manso tatuagemcontos eróticos de feminizaçao forçadaflagra a sogra só de camisa de dormir na cozinhaxvideos irma dormimdi de ladinho com seu irmaovideo de incesto nisseiwww xvideo filme pornô brasileiro mulher chupa uma pica enorme e disse que a pica é uma delícia esculhamba xinga a pica todaboquete da irmazinha casadoscontosNovinha fica facinha e chupa o pau de todo mundo e da a buceta pra vários eo vídeo vazou na internet